versão 8.1

Profile
Personal Photo

No Photo

Options
Custom Title
Stefano Buttaro doesn't have a custom title currently.
Personal Info
Location: No Information
Born: No Information
Website: No Information
Interests
No Information
Other Information
Atalho 2: No Information
Atalho 3: No Information
Ficha:: http://rpgonepiece.com/index.php?showtopic=5822&st=0&#entry46984
Atalho 1: No Information
Imagem da Facção: http://files.jcink.net/uploads/bnwrpg/aventureiro.png
Cargo da Facção: No Information
Cor da Facção: cecece
Pronome:: Ele
Idade: No Information
Alias: No Information
Statistics
Joined: 8-June 17
Status: (Offline)
Last Seen: Yesterday at 04:01 pm
Local Time: Jul 20 2018, 07:29 AM
69 posts (0.2 per day)
( 0.13% of total forum posts )
Contact Information
AIM No Information
Yahoo No Information
GTalk No Information
MSN No Information
SKYPE No Information
Unread Message Message: Click here
Unread Message Email: Private
Signature
View Signature

Stefano Buttaro

Aventureiro

Topics
Posts
Comments
Friends
My Content
Apr 24 2018, 10:49 AM
POST 001

O esgoto se estendia como um enorme cano deitado, ficando uma das extremidades debaixo da prisão para receber a sujeira enquanto a outra dava direto para a liberdade. O chorume mal cheiroso que escorria pelo chão concavo fazia com que os passos dos fugitivos fizessem um eco úmido que se propagava, denunciando para qualquer um que estivesse próximo a movimentação que ali ocorria. Mas era cedo e de acordo com o que Buttaro sabia sobre o funcionamento da prisão não havia ninguém ali para escutá-los.

Vestindo o uniforme de presidiário - preto com linhas brancas ou branco com linhas pretas - Buttaro ofegava. No entanto, apesar de toda a situação deplorável e insana, trazia no rosto um largo sorriso. - Vamos! - Falou baixo, mas incisivamente, para seus companheiros de fuga. - Acho que estou vendo a saída.

Uma fonte de luz anunciava o fim da latrina cilíndrica, acompanhado disso vinha uma corrente de ar puro. Esses dois elementos faziam um contraste poderoso entre a escuridão e o fedor do esgoto, o que aumentou a ansiedade de Stefano, tornando seus passos mais fortes e largos.

Quando saiu pela abertura de seu escapatório, o corpo do cozinheiro estava envergado para baixo, como se ele fosse corcunda. Respirava com dificuldade e ambas as mãos estavam postas sobre o joelho. Abriu os olhos, estava na costa, o mar chiava a poucos metros. Estava do lado de uma valeta para onde caiam os dejetos que se inclinavam ao mar para se perderem para sempre em seu maldito e escuro fundo azul.

Inspiraria uma quantidade considerável do ar puro, enchendo os pulmões e as bochechas, e na hora que expirasse, daria uma gargalhada. - Haha!- Socaria alegre no ar. - Fugimos, finalmente fugimos... - Passaria a mão na cintura, certificando se o cutelo que antes carregava consigo não havia se perdido no caminho e ainda estava lá, preso à alça da calça.

Feito isso, olharia para trás procurando pelos sujeitos tão ou mais loucos que o próprio Buttaro que haviam aceitado seguir aquele plano arriscado. - Ei, vocês estão bem? - Agora sua postura seria ereta, braços cruzados e o nariz empinado. "Não conseguiram prender Stefano Buttaro por muito tempo..." Pensaria, desprezando o mundo à sua volta.


CONSIDERAÇÕES
Spoiler

Bem, como está descrito no final de nossas três histórias: nós somos criminosos que acabamos de fugir da prisão (mas nossos crimes foram tão baixos que acabaram não colocando nenhuma recompensa por nossa cabeça). Por conta disso tomei a liberdade de narrar esse término da fuga.

Meus objetivos são (em ordem cronologica, se possivel):
- Fugir dessa ilha pelo mar
- Conseguir uma roupa de cozinheiro
- Conseguir material para cozinhar
- Achar uma oportunidade de me iniciar no mundo da pirataria
- Ir atrás de um animal ou uma planta exótica (e se possível, de dificil apreensão) para fazer um prato


HISTÓRICO
Spoiler

STEFANO BUTTARO

Pontos de Vida: 40/40
Energia: 48/48
Condição: Perfeitamente Saudável

[*] Peculiaridades
- Beleza Natural
- Faro Aguçado
- Noção do Perigo
- Perceptivo
- Sorte

[*] Aprimoramentos
- Acrobata
- Ambidestria
- Arena Favorita: Cozinha
- Compostura
- Equilibrio Perfeito
- Estrategista
- Herbalismo
- Peixeiro

[*] Inventário
- Cutelo (Arma)

[*] Dinheiro
- 48.250 B
Apr 23 2018, 06:17 PM
Eu vi o novo mapa interativo e me surgiu uma ideia interessante de colocar um quadro de interações entre os personagens importantes do jogo (tanto NPC quanto Players). Pois assim seriamos capazes de vermos o quadro geral da relação de forças entre facções e dentro das facções, o que seria algo interessante ao meu ver.

Exemplo de como ficaria:

Spoiler


Interpretação das cores das relações:

VERMELHO - Os atuais personagens estão em conflito aberto.
LARANJA - Há uma enorme tensão entre esses personagens, o conflito pode estourar a qualquer momento.
AZUL - Aliança secreta.
VERDE - Aliança aberta.

Ai se salvar um arquivo do Photoshop (igual eu fiz) e ir editado de acordo com as modificações que ocorrerem no RPG (Gente morrer, cair, relações mudarem), da pra fazer algo bem legal.

Ai eu tava pensando em algo tipo, se dois Yonkous entrarem em conflito, suas alianças (verdes) são chamadas pra guerra e se eles negarem eles viram inimigos do Yonkou que até agora era aliado. Ou de pessoas de menor nivel poder pedir ajuda de pessoas de maior nivel, claro, com uma limitação na intensidade e no tipo de ajuda (Ex: Supernova pedir ajuda do Shichibukai aliado para fugir da escolta até impel down/ Supernova pedir que um Yonkou o proteja de outro Yonkou para que ele consiga fazer uma reuniãhttp://i.imgur.com/CZGVweN.gif Shichibukai pedir auxilio a um yonkou) etc

Slá, adicionar umas mecânicas de relações que meio que forçassem uma maior movimentação dos players e dos NPCs. Além de ter um painel de interações legal e interessante de se observar.

OBS: A imagem é só um exemplo, tem gente que sabe mexer muito mais no photoshop que saberia fazer algo mais chamativo e fácil de compreender.
Apr 18 2018, 10:06 PM
Estou pensando em fazer um personagem cozinheiro e penso em pegar uma akuma no futuro caso eu o faça, só que as akumas que eu penso para ele ainda não estão nas regras por serem as do arco atual, então eu sugiro a adição e a classificação das seguintes akumas:

PERO PERO NO MI - Rank A
O usuário tem a capacidade de gerar e manipular doce, inclusive endurecê-lo, tornando-o uma resistente arma.

CREAM CREAM NO MI - Rank B
O usuário tem a capacidade de gerar e manipular grandes quantidades de creme de açúcar, a temperatura pode ser aumentada para causar queimadura nos inimigos, apesar de o calor não infligir dano algum ao usuário.

KUKU KUKU NO MI - Rank C
O usuário transforma tudo aquilo que toca em comida. O limite de em que o que é tocado pode ser transformado se dá pelos conhecimentos do próprio usuário.

LIQUID LIQUID NO MI - Rank C
O usuário tem a capacidade de torcer coisas físicas - inclusive corpos inimigos - e extrair um líquido bebível dessas coisas. Pode-se extrair líquidos específicos, como veneno por exemplo. O usuário pode também fazer objetos absorverem liquidos para se tornarem maiores e mais pesados, inclusive o próprio corpo.

- A Liquid Liquid e a Cream Cream foram nomeados por mim por não terem sido nomeadas ainda na obra. E por eu achar que os personagens que usam ela (Smoothie e Opera, respectivamente) não vão ser mais explorados pelo arco já estar no final e as akumas deles terem sido bem demonstradas, eu acredito que já temos o que é necessário para colocá-las no forum.
- A Cream Cream recebe essa classificação por ser uma Paramecia. No entanto, caso a staff deseje colocá-la de Logia eu sugiro que ela vá para o Rank A.

Claro, os ranks são só sugestões, o que me interessa mesmo é saber por qual rank a staff va i decidir pra eu fazer um plano médio/longo prazo do meu personagem.
Jan 3 2018, 09:04 PM
Eu tenho umas dúvidas sobre Resistência e sua utilização no PVP (com esse reset de PE possibilitado pelo ultimo update de regra to pensando em mudar algumas coisas no meu personagem).

A resistência conta pra quando o dano entra em contato com meu corpo, certo? Mas por exemplo, se eu for bloquear um ataque com o meu corpo, é bloqueio ou resistencia? Ou se um amigo meu estiver sendo atacado e eu correr até ele e me colocar na frente do golpe e tentar segurá-lo de uma forma, é bloqueio ou resistencia?
Dec 12 2017, 11:18 AM
POST 01


Era seu último dia no hospital. Estava pé ao lado da maca que o recebera com conforto nos últimos tempos, os dedos da mão direita caminhavam sob o macio lençol enquanto seus olhos observavam o mundo fora da janela. Mas este não era um olhar que tinha como objetivo enxergar o que realmente se tem pra ver, era aquele tipo de olhar que ao invés de olharmos para fora, olhamos para dentro. Ao invés de nos perdemos no sensível do mundo, nos perdemos no abstrato de nós mesmos. E era nesse abstrato subjetivo, era na sua própria alma, que Akino sentia uma força que lhe impelia a abandonar o local. Uma força divina que lhe dizia: - É chegada a hora.

- Certo. - Respondeu. Colocou o chapéu na cabeça e saiu do local a passos largos. Nos corredores cruzou com algumas enfermeiras que haviam cuidado dele naquele meio tempo. Limitou-se a sorrir e erguer a palma da mão direita em cumprimento, abençoando mentalmente cada uma das pessoas.

Na sala de espera, que é o primeiro cômodo do hospital, o médico baixinho e barbudo que havia sido encarregado pela saúde de Akino segurava com dificuldade o bastão sagrado que havia acompanhado Akino em sua queda. O padre pegou o cetro santo, ajoelhou, colocou uma das mãos sobre o ombro do sujeito e com a outra, mais precisamente com o dedão, fez um sinal de cruz em sua testa. - Você não tem noção da sua importância no plano divino, os salões dourados do paraíso lhe esperam no pós morte. - E então voltou a ficar de pé, atravessando a porta de madeira e deixando o hospital para trás.

Rodeado pelo ar puro, procuraria através de placas a localização do Quartel General da Marinha. "Bem, é lá que o Governo também está, correto?" Indagou-se, horas antes, quando decidiu que era esse o local em que devia ir. Caso não encontrasse o lugar, pararia aleatoriamente pessoas na rua, curvaria sua cabeça para frente para que seu rosto ficasse na altura da do indivíduo e com um sorriso no rosto falaria: - Com licença, irmão, poderia me falar onde fica o Quartel General da marinha? Sou novo na região e essa cidade meio que está me dando um nó na cabeça. - E então esperaria a resposta, voltando à postura ereta, apoiando o peso do corpo sobre o cajado sagrado.

Ao descobrir a localização do seu destino, voltaria a caminhar. Pra passar o tempo assobiaria uma música qualquer que aprendera nos seus tempos de formação clériga.


Spoiler

Oi, então, meus objetivos nessa aventura são simples: Entrar no Governo Mundial pra iniciar o plano do meu personagem e me tornar companheiro (ao menos de trabalho) do Edmure de Rivia, que irá entrar na aventura. Agora, o resto, deixo pro narrador http://files.b1.jcink.com/html/emoticons/smile.gif


HP: 60
SP: 30
BERRIES: $100.000
CONDIÇÃO:
- Perfeitamente Saudável
CARACTERÍSTICAS:
- Duro de Matar, Percepítvel, Cabeça Dura, Coragem e Sorte.
- Acrobata, Equilíbrio Perfeito, Pulo do Gato, Treinamento Doloroso e Clericato
GANHOS:
- n/a
PERDAS:
- n/a
Last Visitors


Apr 29 2018, 03:17 PM




Apr 25 2018, 08:34 AM




Apr 22 2018, 02:47 PM



Comments
No comments posted.
Add Comment