versão 8.1

Pages: (4) 1 2 3 4  ( Go to first unread post )
fechado
novo tópico
fazer enquete

 Todo Almirante já foi um Soldado, #1 Alistamento
Gracie
 Posted: Jun 6 2018, 08:05 PM
citar


Gracie




Soldado Aprendiz (二等兵, Nitōhei)



56 posts

Ficha

Gracie is Offline

Estagiário




#3: Shells Town salva!


Sentia o tempo passar em câmera lenta. Marinheiros e piratas se engalfinhavam em pelejas individuais, projéteis desciam como chuva do altos do prédios derrubando os criminosos que ousavam se desgarrar do cenário principal. O sangue dos ferimentos prévios pingavam de um dos meus dedos, as pernas quentes já dormentes engajadas em uma corrida desesperada. Os cabelos colados ao rosto pelo suor. Um único objetivo: parar Jinru. Agulhas voam ao meu lado e imediatamente sei o autor dos disparos, Calêndola. A jovem marinheira me impressionava cada vez mais com suas respostas rápidas, decisões inteligentes e visão do campo de batalha, aos poucos mudava minha opinião sobre ela, a tornando cada vez mais atraente em todos os aspectos. Entretanto, aquele não era o momento para tais pensamento. Panchi corria perigo e iria fazer de tudo para salvá-lo.

- "Não vai dar tempo!" - O Ganso era muito mais rápido do que supusera, porém naquele exato momento a passada do pirata diminuiu e o brilho metálico da agulha de Calêndola brilhou preso ao joelho do criminoso. Um pequeno raio de esperança, uma virada do destino. Ao me aproximar de Panchi ergo o Bisento em posição defensiva. Milésimos de segundos depois sinto o impacto. Todos os músculos do meu corpo tremeram, gritando de dor e fadiga, senti o gosto amargo de bile na boca e a cabeça pesada pelo estresse físico acentuado. Nunca sentira um golpe tão poderoso, uma intenção assassina tão perversa. - "Então isso é um pirata de verdade.." - A mistura de ódio e desespero nebulavam minha mente, senti o corpo fraquejar, não suportaria tamanho impacto, cairia nas mãos do primeiro bando pirata que lutei. O mundo não era fácil, bem que meu avô me avisou. - Tsc

Entretanto, não estava sozinho. O sangue escorreu da boca de Jinru e senti a força de seu golpe dissipar-se. Uma sombra se projetou por trás do pirata e logo reconheci o Cap. John Doe. Me senti grato, deixando o corpo inteiro relaxar enquanto o Ganso caia em minha direção. Tombei, sem forças, o Bisento escapando da minha mão. Havíamos conseguido. Jinru estava morto, seu bando rendido e a cidade salva. Levantei os olhos, buscando fitar Panchi. - Cof..Guruguru...cof...Panchi, tem que prestar atenção no oponente - Tentei disciplinar o careca, cansado, ensanguentado e com um sorriso aliviado no rosto.

Ao sentir o peso do pirata ser tirado de cima de mim tento me erguer. Meu uniforme vermelho, sangue meu e de Jinru, o corpo moído, dores por todos os lugares. Mas me lembrei de uma triste realidade, não fora realmente um sucesso. Os disparos do Ganso com certeza havia comprometido os civis. Olhei por um breve momento para Calêndola que se aproximava e falei baixo. - Obrigado - A garota tinha sido essencial para parar Jinru. Em seguida, tentei me endireitar, ficando ereto o máximo que a dor permitia, fitando o Capitão. Bateria continência, apesar da desaprovação do superior, e me curvaria, em desculpa. - Cof..DESCULPE, CAPITÃO. NÃO CONSEGUIMOS PARAR OS DISPAROS DO NAVIO E A CIDADE FOI DANIFICADA. - Sentia as lágrimas se formarem em meus olhos, os fechei tentando contê-las, em vão. - P-Por favor, me treine para ser mais forte e conseguir defender todos como o senhor fez!! - As palavras saíam com uma amargura palpável, profundamente sentia-me inútil, incapaz.



@T. Wall

Controle de Aventura:

Turno: 16

Ganhos: -X-
Perdas: -X-

NPCS Conhecidos:

▪ Calêndola: Moça de cabelos ruivos, dócil, com conhecimentos médicos e que luta com sebons. Aspirante a marinheira
▪ Oken: Loiro, baixinho e barulhento. Maníaco por espadas. Sempre alegre e fala o que vem na cabeça. Aspirante a marinheiro
▪ Panchi: Careca, distraído e muito forte. Se destacou em todos os treinos físicos e derrubou vários piratas na luta contra Jinru, o Ganso. Aspirante a marinheiro
▪ Élida: Moça de cabelos lisos negros e tatuagem no rosto. Personalidade difícil, não gosta de Gracie. Aspirante a marinheira



This post has been edited by Gracie: Jun 6 2018, 08:12 PM
mp
^
T. Wall
 Posted: Jun 8 2018, 10:22 PM
citar


T. Wall




N/A



253 posts

Ficha

T. Wall is Online

Narrador




Panchi: Mas eu estava prestando atenção, nos dois oponentes que estava lutando, não imaginei que o capitão deles viria contra mim... - Replicou Panchi, já liberado por Calêndola que sorria para seu pedido de obrigado, acenando.

Cap. John Doe: E você tem razão, jovem, a culpa foi minha de ter pegado leve com esse pirata... OE, HAMMABELL! - Ele coloca a mão na altura da bochecha, gritando pela tenente.

Tenente Hammabell: QUIÉ?! - Berra do outro lado do píer a tenente, que instruía os marinheiros a como fazer as prisões e levar os piratas remanescentes para a base. Nesse momento, alguns moradores abriam as janelas e saiam de suas casas, presenciando o cenário de destruição na ilha e o massacre contra os piratas no píer.

A tenente se aproxima de vocês, com um papel dobrado.

Cap. John Doe: Conseguiu alguma informação? - Indagou o capitão. Nesse momento, ele ouve a seu pedido de desculpas e minimiza. - Não se culpe tanto, garoto, você fez muito para um recruta. Todos vocês, na verdade... - Hammabell entrega o papel ao capitão que abre na frente de todos, o cartaz e procurado de Jinru:

user posted image


Cap. John Doe: Tenho certeza que isso dará uma ótima manchete e reparará parte do prestígio de Shells Town, Hahahaha! - Ele começa a gargalhar, no momento em que ouve você falar sobre treiná-lo. Ele para por um instante, suando frio: - Te... Te... Te treinar?! HAHAHAHAHAHAAH! Tô fora!

Ele entrega o cartaz para a tenente, dando um largo sorriso. E em seguida sai correndo em direção a base. No caminho, diz:

Cap. John Doe: Vocês estão em ótimas mãos, tenho certeza que a Tenente Hammabell vai cuidar de tudo!!! - E some.

Tenente Hammabell: JOHN DOE, ORA SEU!!! - A tenente estava visivelmente irritada, o corpinho pequeno e a cara imensa, os olhos brancos, com a mão erguida reclamando do capitão. Mas logo ela se recompõe. - O capitão não gosta de muitas responsabilidades. Na verdade, nós éramos subordinados do mesmo esquadrão da Marinha que foi enviado da Grande Rota para cá. Por isso que ele não está acostumado a estar no comando, deve estar doido para voltar para Logue Town, com a capitã Justance.

Mas ele tem razão, vocês fizeram muito hoje. Não só vocês...
- A voz dela aumenta, ao passo que ela começa a falar para todos os marinheiros e para a população:

Tenente Hammabell: A marinha de Shells Town mandou hoje uma mensagem clara ao mundo. Morgan Mão-de-Machado pode estar morto, mas o espírito inquebrável da base #153 da Marinha permanece. Os cidadãos podem ficar tranquilos, pois vamos proteger e reconstruir a cidade quantas vezes forem necessárias! - Os cidadãos e marinheiros comemoraram. O ataque havia findado, enfim...

QUOTE
Off: No próximo post, quero você narre como foi o restante dos dias que faltam para o término do primeiro mês. Pode voltar a usar os NPCs criados por você e relate, principalmente, como foi a ajuda na reconstrução da cidade e a vigia dos presos na base. Considere que depois de quatro dias um navio da marinha veio pegar os presos para levar para Logue Town.


@Gracie

This post has been edited by T. Wall: Jun 9 2018, 10:55 AM

--------------------
mp
^
Gracie
 Posted: Jun 11 2018, 07:41 AM
citar


Gracie




Soldado Aprendiz (二等兵, Nitōhei)



56 posts

Ficha

Gracie is Offline

Estagiário




#3: Shells Town salva!


Após o fim da batalha os esquadrões se dividiram para certificarem se alguns dos civis necessitava de asistência médica e quantificar o estrago feito a cidade. O navio de Jinru assim como os seus pertences foram confiscados e levados à base. Os marinheiros feridos foram prontamente levados às enfermarias da marinha para serem cuidados e dentre estes estava Gracie. O dia se findava com a justiça prevalecendo mais uma vez, mantendo a emblemática cidade de Shells Town a salvo. Tenente Hammabell coordenava o fluxo de serviço e prioridades, e os soldados se mantiveram ocupados até tarde da noite, quando todos os criminosos haviam sido devidamente presos.

Na enfermaria, Gracie estava deitado, enfaixado dos ombros à cintura, com um olhar cansado. Ao seu lado, Calêndola corrigia algumas ataduras e cuidava de alguns ferimentos, afinal o atendimento feito inicialmente não era o ideal já que muitos outros feridos aguardavam. Calêndola: - Gracie, nenhum civil morreu ou foi gravamente ferido. A notícia sobre os piratas se espalhou e a maioria conseguiu se manter sãos e salvos. - O jovem de madeixas negras contorciasse enquanto um algodão embebido tocava seus cortes, mas sorriu contido, com uma expressão agradecida. Era óbvio o alívio no rosto do recruta, era óbvio o quão satisfeito estava em ouvir tais palavras.

Após a saída da médica, Oken e Panchi visitaram Gracie. O primeiro falava sem parar, mostrando como havia derrubado esse ou aquele oponente, em como o Cap. John Doe era incrível e como ele se dividira para parar os projéteis. Panchi por sua vez se aproximou tímido do companheiro acamado e com um leve soco, para o careca pelo menos, acertou o ombro de Gracie, como um agradecimento sem jeito. Entretanto, o punho de Ichi acertou o corto no deltoide do rapaz, que urrou de dor. Gracie: - SAIAM DAQUI! - Furioso arremessou frascos e travesseiros na dupla que saíram da enfermaria assustados. Ringabell sorriu sozinho por alguns minutos após o acontecido, ainda sentindo o ombro latejando. Esse grupo daria trabalho..mas valeria a pena..

No dia seguinte a Tenente Hammabel reuniu todos os marinheiros aptos no pátio. Gracie os observava da janela, havia sido obrigado a ficar de fora, orientação dos médicos da Base, precisava de descanso. Os soldados não vestiam o típico uniforme da marinha mas sim roupas específicas para obras, com luvas, botas, capacetes de proteção e regatas. De longe, pareciam um grande grupo de operários prontos para construção. E isso não era muito longe da verdade. Após ordens e gestos, a Tenente os dispensou. Algum tempo após cada grupo era responsável por uma tarefa, alguns carregavam madeira, outros tijolos, ferramentas, cimento e etc. O dia avançou e o serviço foi incessante. Gracie os olhava, desejando poder ajudar. Com certeza seria melhor estar lá fora que preso naquela enfermaria. E assim, a noite chegou e as tropas retornaram a base.

No dia seguinte o mesmo ato se repetiu. Porém, Ringabell fora liberado de sua estadia na enfermaria mas ainda restrito quanto a esforço físico. Diante disso, foi encarregado com a função de auxiliar na prisão. Logo cedo, após se vestir, o jovem desceu até o nível subterrâneo onde se encontravam as jaulas. Os piratas amontoavam os pequenos cárceres, e estavam cabisbaixos, abalados. Gracie os olhava odioso, se lembrando do mal que fizeram a ilha sem nenhum motivo palpável. Gracie: - Recruta Ringabell Gracie se apresentando ao serviço - Bateu continência. Um oficial encarregado do setor o olho de relance e acenou com a mão, mostrando uma cadeira. O trabalho consistia de vigiar os presidiários e organizadamente fornecer água e comida em horários específicos. Um trabalho monótono e normalmente sem surpresas. Sargento L'amer: - Em alguns dias navios virão para levar a maioria deles para LogueTown, onde serão julgados. Por mim, atearíamos fogo em todos e os amarraria no mastro do navio pirata, os deixando vagar os arredores da ilha, para mandar um aviso para os outros vagabundos. - ShiShiShi

user posted image


O sargento era carrancudo e barbudo, mantinha seu machado na mão a maior parte do tempo e possuia tatuagens vermelhas pelo corpo. Alguns diziam que era feitas com o sangue dos piratas mortos por ele, outros apenas o chamavam de lunática. De um jeito ou de outro era o responsável pelos presos da base. A noite, falavam, ele caminhava batendo o machado na grade das jaulas, mantendo os presos acordados em estado de terror. Vez ou outra um dos cárceres amanhacia morto, com um corte profundo na cabeça. O Sargento afirmava terem sido os outros presos e os castigava. Mas, até o momento, eram apenas histórias e suspeitas, sem ninguém nunca ter provado nada. Gracie não estava interessado nas lendas de terror que inventavam sobre a prisão. Estava agradecido por ter saído da enfermaria e esperava que no dia seguinte pudesse ajudar na reconstrução da cidade.

No terceiro dia, Gracie havia sido liberado para ajudar na área externa, porém ainda deveria evitar peso. O rapaz foi alocado então na organização, sua responsabilidade era junto com o resto da equipe de orientar quanto a disposição dos materiais no pátio da base para que pudessem agilizar na sua distribuição nas áreas necessitadas na ilha. Na mão segurava uma lista com o material disponível e uma planta da base e da cidade e com a ajuda de alguns outros soldados distribuia ordens às equipes que carregavam o material até o local indicado. Ao longo do dia adaptações foram sendo feitas para aprimorar o trabalho de modo a se tornar cada vez mais eficiente.

No quarto dia, segundo a Tenente quando os navios chegariam para buscar os presidíarios, Gracie ficara escalado para participar da escolta. Logo cedo foi organizada a ordem de saída e assim que o navio chegou no porto grilhões e correntes foram colocadas em todos os presos. Aos poucos, em pequenos grupos, foram escoltados lentamente até o navio, que possuia sua própria guarnição de soldados. Alguns civis lançavam lixo e afins nos piratas, gritando xingamentos e ameaças. ???: - SHAME! - Até certo ponto nada era feito, porém quando a integridade física dos presos era ameaçada a escolta parava os civis, orientando que isso mancharia o nome de Shells Town como se torturasse seus presos. Alguns cidadãos se irritavam, outros entendiam, cada situação era ímpar. Por vez ou outro um dos piratas se precipitava e tentava fugir, tropeçando nos grilhões e derrubando vários outros consigo. Por fim, todos foram transportados sem problemas, deixando apenas em Shells Town os civis que eram presos por alguns dias, por pequenos delitos.

Os dias passavam e Gracie se recuperava aos poucos, sendo alocado em serviços progressivamente mais exaustivos até voltar a suas tarefas corriqueiras na base. Retornou o seu treinamento e estudos, pensando em como poderia se sair melhor nas próximas empreitadas

@T. Wall

Controle de Aventura:

Turno: 17

Ganhos: -X-
Perdas: -X-

NPCS Conhecidos:

▪ Calêndola: Moça de cabelos ruivos, dócil, com conhecimentos médicos e que luta com sebons. Aspirante a marinheira
▪ Oken: Loiro, baixinho e barulhento. Sempre alegre e fala o que vem na cabeça. Aspirante a marinheiro
▪ Panchi: Careca, distraído e muito forte. Se destacou em todos os treinos físicos e derrubou vários piratas na luta contra Jinru, o Ganso. Aspirante a marinheiro
▪ Élida: Moça de cabelos lisos negros e tatuagem no rosto. Personalidade difícil, não gosta de Gracie. Aspirante a marinheira



This post has been edited by Gracie: Jun 11 2018, 07:42 AM
mp
^
T. Wall
 Posted: Jun 15 2018, 01:25 PM
citar


T. Wall




N/A



253 posts

Ficha

T. Wall is Online

Narrador




user posted image


Quando um dos navios da marinha de Logue Town atraca no porto de Shells Town há uma grande polvorosa! As pessoas se amontoam com a possibilidade da capitã Olivia Justance aparecer pessoalmente, tendo em vista sua proximidade com o capitão-interino John Doe. Porém, naquele dia, os recrutas de Shells Town, sua população e principalmente os prisioneiros tiveram um encontro ainda maior.

Uma tropa de marinheiros todos milimetricamente fardados e com mosquetes de batalha com repetição dupla desceram pela prancha. Aproximadamente trinta deles. Faces cerradas, em formação, descendo até o píer e fazendo um caminho para a descida de uma figura exótica.

user posted image


Conforme passa pelos seus marinheiros com mosquetes estes fazem uma saudação, colocando as armas na altura dos ombros e trocando para o lado seguinte. O homem, também com um tapa-olho, passa por todos apenas acenando com a cabeça. A tenente Hammabell estava na frente do pelotão de recrutas de Shells Town, que circundavam os prisioneiros. Assim que vê a figura em sua frente, arregala os olhos e bate continência. Todos repetem o gesto.

Tenente Hammabell: ... Ca-capitão Armstrong! - Ela gagueja levemente, surpresa ao vê-lo.

Cap. Armstrong: Hammabell, vi que fez um excelente trabalho aqui... - Ele olha para a cidade, abrindo um sorriso. Oken estava do seu lado, sussurra:

Oken: Na-não ac-acredito... Esse é o capitão Victor Armstrong? Um dos heróis da Marinha de Ohara? - Sussurra ele, suando frio.

Panchi: Herói de onde?... - Panchi estava do seu olho lado, coloca a cabeça para frente, mostrando que estava futucando o nariz com o dedo mindinho - um péssimo hábito que tinha. Mas logo, a conversa entre os superiores toma conta a atenção.

Cap. Armstrong: Olivia pediu desculpas por não ter vindo. Pediu que viesse em seu lugar. Como fui mandado pelo G5 para o East Blue também para conter essas porcarias que colocaram no jornal sobre as ilhas, vim dar um apoio até novas ordens... Ah propósito, onde está o Doe? - Indagou-lhe, olhando ao redor: - Ele não perde esse hábito de fugir das formalidades, huh? - Então o capitão abre um sorriso, pegando o rifle de assalto que tinha nas costas e desferindo um tiro repentino!

A bala passa em riste indo até o telhado.

Cap. John Doe: Ouch! - O capitão Doe, no alto do telhado, dá um grito e cai do telhado. As pessoas olham assustadas, algumas mulheres gritam. Mas logo que cai no chão, morto, o corpo do capitão se desfaz... E, no meio da multidão, ele aparece. Como se o outro fosse uma mera cópia. - E você não perde esse hábito de atirar em tudo que se move...

Reclama o capitão-interino. Os dois dão um longo aperto de mão, na verdade, um segurando o antebraço do outro. John Doe entrega o corpo de Jinru, o Ganso, numa sacola preta, enquanto Hammabell conduz os presos para o navio. O capitão assina alguns papeis.

Cap. John Doe: Volta quando para Logue Town?

Cap. Armstrong: Se possível, agora mesmo... Quem sabe não dou a sorte de topar com algum navio pirata no caminho e prendo mais alguns? Haha!

Cap. John Doe: É... os piratas desse mar estão em maus lençóis com você navegando... Diz para a Olivia que estou com saudades... - Doe abaixa o tom de modo que só o capitão Armstrong ouvisse.

Cap. Armstrong: Hahaha... Pode deixar! - Victor sorri.

Depois de um tempo a Tenente desce do navio.

Tenente Hammabell: Pronto capitão Armstrong. Presos entregues... Bom retorno...

Cap. Armstrong: Obrigado Tenente. Capitão... - Ele faz uma breve reverência, despedindo-se. O capitão sorri. E então após alguns procedimentos de manobra o navio começa a deixar o porto...

Se quiser, pode narrar no próximo post como foi sua reação ao ver essa cena e esses personagens juntos.

(...)


Chega finalmente o último dia do mês!

Após vários treinamentos seguindo o cronograma do treinamento todos estão prontos para receberem sua primeira condecoração e salário mensal. O dia está ameno, várias nuvens no céu e um sol agradável logo pela manhã.

Narre sua preparação para o grande dia. A condecoração será no pátio da base # 153.

@Gracie

This post has been edited by T. Wall: Jun 15 2018, 01:25 PM
mp
^
Gracie
 Posted: Jun 17 2018, 08:46 AM
citar


Gracie




Soldado Aprendiz (二等兵, Nitōhei)



56 posts

Ficha

Gracie is Offline

Estagiário




#3: Shells Town salva!


Já não sentia os machucados doerem tanto apesar de ter que suportar alguns incômodos quando me esforçava um pouco mais. Apesar do desconforto, não reclamava ou deixava transparecer, todos aqueles cortes, hematomas e escoriações havia conseguido para defender a cidade, seus habitantes e meus companheiros, estava satisfeito. Permanecia o mais ereto que conseguia, com o Bisento apoiado no ombro. Observava boquiaberto aos ocorridos naquele belo dia. Mais uma figura poderosa aparecia e fazer John Doe parecer um pivete catarrento. "EEEEH? Como ele conseguiu vê-lo e acertá-lo dessa distância???? E COMO ESSE CARA TÁ SE MULTIPLICANDO?! - Um passo para trás e os olhos esbugalhados. O disparo fora tão rápido e suave que só notara pelo estrondo da pólvora. E um dos Capitães John havia desaparecido...Na primeira vez que vira o superior se multiplicar pensei que fora apenas uma ilusão no calor da batalha, mas acabei de presenciar novamente o ocorrido. - Ei, ei, como o capitão consegue se dividir em mais de um??? Que tipo de poder é esse??? - A voz tremulava involuntariamente, deixando claro meu estado de espírito. Apesar de tudo, os prisioneiros foram devidamente entregues e a cerimônia se encerrou. Voltei seguindo o batalhão, ainda abalado, com a mente perdida em conjecturas quanto a realidade dos poderes daqueles homens. "Como vou conseguir alcançá-los desse jeito?"

~X~

Acordara mais cedo, não por ansiedade mas porque minha preparação era mais prolongada que a dos demais. Finalmente terminava de enfaixar o tronco, a última parte, com ataduras e loções que Calêndola me orientara a utilizar. Meu corpo era essencial para concluir meus objetivos, não podia descuidar dele se quisesse realmente chegar onde queria, se quisesse fazer a mudança no mundo que esperava. "Um prédio se faz com pequenos tijolos.." - Refletia, já vestindo o uniforme adequado para o dia. Por fim, o mês de treinamento tinha acabado e saberíamos quem seriam oficialmente os novos soldados da #153 Base da Marinha de Shells Town. Estava ansioso, mas comedido. Todas as experiências dos últimos dias haviam me desgastado mentalmente, já não conseguia erguer meu espírito como gostaria. De todo modo, terminei meus cuidados. Havia tomado todo o cuidado possível para com o uniforme, os cabelos tipicamente desgrenhados estavam amarrados em um rabo de cavalo frouxe, caindo por entre as escápulas, e a barba irregular tentara consertar sem muito sucesso. - Vamos lá - Deixaria a arma no lugar adequado já que não cabia tais itens em uma reunião formal como aquela. E então me dirigiria ao pátio, com as mãos nos bolsos e andar despreocupado. Cumprimentaria os superiores adequadamente e em seguida voltaria ao passo descomprometido.

@T. Wall

Controle de Aventura:

Turno: 18

Ganhos: -X-
Perdas: -X-

NPCS Conhecidos:

▪ Calêndola: Moça de cabelos ruivos, dócil, com conhecimentos médicos e que luta com sebons. Aspirante a marinheira
▪ Oken: Loiro, baixinho e barulhento. Sempre alegre e fala o que vem na cabeça. Aspirante a marinheiro
▪ Panchi: Careca, distraído e muito forte. Se destacou em todos os treinos físicos e derrubou vários piratas na luta contra Jinru, o Ganso. Aspirante a marinheiro
▪ Élida: Moça de cabelos lisos negros e tatuagem no rosto. Personalidade difícil, não gosta de Gracie. Aspirante a marinheira



This post has been edited by Gracie: Jun 17 2018, 08:47 AM
mp
^
T. Wall
 Posted: Jun 17 2018, 06:15 PM
citar


T. Wall




N/A



253 posts

Ficha

T. Wall is Online

Narrador




Uma manhã de sol e muitas nuvens.

Foi assim que você e os demais acordaram naquele dia. Após a entrega dos prisioneiros para Logue Town uma equipe do Jornal Mundial foi enviada para Shells Town e alguns depoimentos foram colhidos. (Off: Descreva uma fala, por ser em off, para a seguinte pergunta: Como você se sentiu quando percebeu que a ilha estava sendo invadida? Qual foi sua reação recruta?)

Isso, há dois dias atrás.

Um mês. Trinta dias exaustivos. Apesar do combate com o "Bando do Ganso", o treinamento prosseguiu nos dias seguintes. Montar guarda, limpar a base, fazer patrulha. O dia a dia da marinha seguiu, além de ajudar a ilha de Shells Town a se reerguer mais uma vez. Entre essas atividades você pode ver o capitão John Doe ajudando-a ativamente, em vários lugares ao mesmo tempo. De um marinheiro mais experiente você ouviu o seguinte: "Parece que o Capitão Doe adquiriu na Grande Rota uma habilidade incomum de conseguiu duplicar seu corpo em vários..."

Quando você vem caminhando, percebe que poucos marinheiros estavam logo cedo ali. Mas logo percebe alguns rostos conhecidos chegando. Calêndola, Oken, Panchi, Élida. Estes são alguns dos pouco mais de setenta recrutas, dos cento e cinquenta originalmente inscritos que permaneceram. Mais da metade havia desistido no caminho. Boa parte, após a batalha contra a invasão piratas. Houveram algumas baixas, é bom que se diga. Dois recrutas vieram a óbito. Um em campo e outro alguns dias após a tentativa de tratamento.

Toda batalha deixava marcas e assim havia sido à Gracie que tinha hematomas no tronco e ganhara uma cicatriz no ombro esquerdo. Mas já estava plenamente recuperado.

Marinheiro: Atenção, Recrutas, em formação!

user posted image
(Off: Desconsiderar as capas e imaginar todos recrutas em posição.)


D O N !


A tenente Hammabell vem caminhando lentamente do interior da base #153 da Marinha. Carregava um pergaminho enrolado. Um marinheiro ao seu lado carregava uma espécie de baú. À frente dos recrutas havia uma espécie de púlpito, com um sistema de som através de Den Den Mushi. Ela se aproxima, testando o som:

Tenente Hammabell: Caham... - O sistema dá uma leve microfonia, mas um marinheiro trata de regular o som rapidamente. O sistema estava ligando não só aos Den Den Mushi Alto Falante na base, mas também em toda Shells Town. - Damos início, neste momento, a primeira formação de recrutas da Base #153 sob o comando do Capitão-Interino John Doe. Sou a Tenente Hammabell e serei a responsável por prestar o discurso de iniciação...

Ela arfa o ar lentamente, abrindo o pergaminho:

Tenente Hammabell: Sinto-me muito honrada em fazer parte deste momento. Shells Town vive um novo momento em sua história. Vocês, os setenta novo recrutas desta base, mostraram nesses trinta dias que possuem as aptidões necessárias para servir a Marinha e o Governo Mundial.

Coragem. Integridade. Segurança. Vontade.

São características daqueles que desejam manter a paz e a ordem neste mundo. Este é apenas o primeiro passo em suas trajetórias. Mas, acreditem, a Marinha é benevolente com aqueles que possuem em seus espíritos a vontade de ir além. E vocês, meus jovens recrutas, demonstraram isso na invasão sofrida dias atrás. Os atos de coordenação e bravura de vocês salvaram a ilha do pior.

E a vontade de ajudar a mostrar aos cidadãos de Shells Town que eles não estão sozinhos. Calêndola...
- Ela aponta para a jovem recruta. - Seus serviços prestados durante o combate e principalmente na ajuda na ala da enfermaria lhe garantiram a honra de ser a juramentista desta turma, por favor, venha aqui...

Calêndola olha, incrédula, mas Oken faz um sinal de positivo. Ela leva as mãos juntas na altura dos fartos seios e caminha até o púlpito. A tenente mostra uma parte do pergaminho e pede que ela leia:

Calêndola: Anon... Por gentileza... repitam comigo... - Sua voz sai trêmula, mas logo ela continua: - Prometo...

Marinheiros: Prometo! - Os demais respondem.

Calêndola: Ser um ponto de luz nos mares...

Marinheiros: Ser um ponto de luz nos mares!

Calêndola: Trazer paz aonde estiver...

Marinheiros: Trazer paz onde estiver!

Calêndola: Navegar livre e trazer liberdade...

Marinheiros: Navegar livre e trazer liberdade!

Calêndola: Onde quer que esteja...

Marinheiros: Onde quer que esteja!

Calêndola: Que a gaivota seja a bandeira temida...

Marinheiros: Que a gaivota seja a bandeira temida!

Calêndola: Nos mares adiante...

Marinheiros: Nos mares adiante!

Calêndola: Pois sou a Marinha...

Marinheiro: Pois sou a Marinha!

Calêndola: Indomável e cintilante!

Marinheiro: Indomável e cintilante!

Após o término das palavras, uma salva de tiros de espingardas por parte dos marinheiros mais antigos se fez. Algo em torno de um minuto. Após isso, foi oferecido um banquete e os marinheiros estavam liberados para se confraternizar. Aproveite para interagir com seus amigos (Pode usar os NPCs). O evento ainda não terminou.

@Gracie
mp
^
Gracie
 Posted: Jun 20 2018, 11:36 PM
citar


Gracie




Soldado Aprendiz (二等兵, Nitōhei)



56 posts

Ficha

Gracie is Offline

Estagiário




#3: Shells Town salva!


Os tiros cortavam o ar a cada disparo e os pelos dos braços de Gracie eriçavam de empolgação. O discurso da tenente, ver Calêndola como juramentista e acima de tudo o sentimento de dever cumprido era impagáveis. Após o fim da salva e o zumbido nos ouvidos diminuírem o jovem marinheiro olhou os arredores. Oken e Panchi estavam ali perto e cruzando rapidamente o olhar com o primeiro apreciou, por um breve momento apenas, a presença do espadachim. Oken: - SHISHSISHI - O loiro erguia ambos os polegares e um sorriso anormal, tão feliz estava. Para Ringabell, ele era a personificação da imaturidade, porém o considerava leal e por isso mantinha seus laços com o rapaz. A resposta foi apenas um aceno com a cabeça, com o rabo de cavalo frouxo balançando às costas.

Ao lado de Oken estava Panchi, o olhar perdido e o dedo vasculhando o interior da narina direita. A pose típica do careca. Gracie o fitou e pensara em todo o esforço e sofrimento que fora salvar aquela criatura boçal. Porém, Ichi era um companheiro forte e quando a hora chegasse tinha fé que poderia contar com o amigo. Gracie: - Ei, Panchi, tira o dedo do nariz. - A represália saíra em um tom nada convincente, o jovem já sabia que era inútil tentar discipliná-lo.

Por fim, se virou novamente ao palco por onde Calêndola descia. A ruiva passava envergonhada pelas fileiras em direção a seu lugar de origem. Mantinha as mãos erguidas, com olhos tímidos e um caminhado apressado. Ao vê-la passar Gracie saiu brevemente de sua postura e apareceu no campo de visão da amiga. Um sorriso no rosto mal barbeado e os braço avergonhadamente abertos, convidando, relutante, a moça para um abraço. Calêndola parou por um instante confusa e então entendeu o gesto, não entrou totalmente no abraço mas tomou os braços de Gracie no seu e os apertou, retribuindo. Em seguida ela acelerou, saindo da frente de Ringabell e retornando à seu lugar.

Aparentemente a Tenete assumiria o comando do Den Den Mushi alto-falante mais uma vez, em direção ao fim da cerimônia solene.

QUOTE
OFF: Depois do desespero o importante é manter a imagem HUAHUAHAUA

Gracie: Me senti temeroso pela vida dos habitantes e pela integridade da cidade. Nós, marinheiros, temos apenas uma reação ao ver piratas: Suprimi-los, combatê-los, e levá-los a justiça.


@T. Wall

Controle de Aventura:

Turno: 19

Ganhos: Cargo na Marinha
Perdas: -X-

NPCS Conhecidos:

▪ Calêndola: Moça de cabelos ruivos, dócil, com conhecimentos médicos e que luta com sebons. Aspirante a marinheira
▪ Oken: Loiro, baixinho e barulhento. Sempre alegre e fala o que vem na cabeça. Aspirante a marinheiro
▪ Panchi: Careca, distraído e muito forte. Se destacou em todos os treinos físicos e derrubou vários piratas na luta contra Jinru, o Ganso. Aspirante a marinheiro
▪ Élida: Moça de cabelos lisos negros e tatuagem no rosto. Personalidade difícil, não gosta de Gracie. Aspirante a marinheira



This post has been edited by Gracie: Jun 21 2018, 03:00 PM
mp
^
T. Wall
 Posted: Jun 22 2018, 08:14 AM
citar


T. Wall




N/A



253 posts

Ficha

T. Wall is Online

Narrador




Oken: SHISHISHISHISHI... parece que alguém está caidinho pela juramentista... SHISHISHISHISHI! - Oken sussurra, contendo o riso com sua mãozinha.

Panchi: Hã? ... Quem foi que caiu? - Ichi, por sua vez, parecia não entender a malícia do pequeno espadachim.

De fato, a sua percepção sobre Calêndola parece ter mudado desde que a conheceu. Em verdade, ao longo do mês a sua postura de apenas querer crescer a todo custo e agora entender que não conseguirá ir longe sem pessoas bacanas ao seu lado, parece ter crescido. (Off: No próximo post, conte um pouco de sua percepção sobre esse fato e descreva com mais exatidão seus sentimentos por Calêndola).

Não demora muito, e a Tenente toma o púlpito novamente.

Tenente Hammabell: Abertas as formalidades e o juramento, passamos agora ao momento de entrega de seus uniformes. - A tenente pede que os homens que a auxiliavam para trazer algumas caixas. - Durante esses trinta dias vocês vestiram a farda e trabalharam duro. Novamente, agradecemos o empenho de todos. Todos vocês agora são recrutas da Marinha (Shinpei) e receberão seus salários iniciais e novas fardas. Por favor conservem com o carinho e atenção que tiveram nesses dias iniciais.

Os auxiliares entregam, um a um, as novas fardas e, sobre estas, um bolinho de B$ 250.000,00 como salário inicial de todos.

No próximo post, Gracie, mostre qual foi sua reação ao receber seu primeiro salário e também sua nova farda. O que passa pela sua cabeça?.

QUOTE
Item recebido:

Uniforme da marinha
Descrição: Marinheiros pertencentes a essa categoria base utilizam uniforme padrão, composto por uma camisa branca com botões e o símbolo da marinha estampado nas costas, lenço azul em volta do pescoço, calça azul marinho, bota preta, e um boné escrito "marine".
Bônus: Interpretativo
Valor: B$ 0,00

Salário B$ 250.000,00




@Gracie
mp
^
Gracie
 Posted: Jun 30 2018, 06:19 PM
citar


Gracie




Soldado Aprendiz (二等兵, Nitōhei)



56 posts

Ficha

Gracie is Offline

Estagiário




#3: Shells Town salva!


Ouvindo a provocação de Oken, enrijeci, corando e olhando fixamente à frente. Não entendia o porquê daquela tentativa de abraço, por qual motivo estava tão desconcertado pela brincadeira do loiro, e muito menos qual a razão de já ter tal apreço e consideração pela ruiva, que julgara tão superficial no início. Provavelmente era apenas atração física, era uma mulher bonita...mas se assim o fosse cultivaria tais sentimentos desde o começo. Talvez as fortes emoções vividas tivessem aprofundado os breves laços, principalmente com Calêndola, que fora tão presente ao meu lado...a cabeça fervia, passava desconfortavelmente os dedos entre os fios negros, tirando do rosto os cabelos que fugiam do rabo de cavalo mal-feito. Não conseguia entender..ou assumir..exatamente o que sentia. Gracie: "Não posso me entregar a pensamentos tão frívolos no início da minha jornada como marinheiro.. Precisava ser forte, um pilar, e crescer na instituição, tinha que inspirar meu aliados e não agir como um bobo diante deles.

A voz da Tenente me arrancou do mar de pensamentos em que afundava, e agora me acalmava, deixando os problemas futuros para o futuro. Em posição, me mantinha durante o discurso, aguardando a conclusão. Estendi os braços, contendo um sorriso eufórico ao ver o uniforme e o humilde mas gratificante primeiro salário. Com cuidado, conferi o valor e o guardei em minhas vestes. Então, segurei firme a farda. Havia conseguido, aquela era a prova final, apesar de toda a dificuldade, ingressara na mesma instituição que meu avô e agora só tinha um destino: Almirante. A imagem de um Gracie crescido e maduro, com o manto da justiça às costas floresceu pedante em minha mente, senti o corpo leve e abracei as vestes novas, excitado. E então, voltava a mim, ficando ereto, soltando um pigarro desconfiado.

Gracie: - EI! Oken! O que você quis dizer com caidinho? - O semblante fechado e os cabelos já soltos, sobre o rosto davam ao rapaz uma aparência mais sombria. Com passadas pesadas e o corpo curvado se dirigia ao loiro, ávido para tirar satisfações. Com certeza, precisava trabalhar melhor minhas reações, mas a situação excepcional gerava um tufão de emoções, fortes demais para minha inexperiência. No fim do dia, evitaria Calêndola, envergonhado,

Por fim, seguiria com as atividades. Comeria e voltaria a meus aposentos, onde guardaria o novo uniforme e o dinheiro adequadamente. Ansioso pelo primeiro dia como oficialmente integrante da ~Kaigun~

@T. Wall

Controle de Aventura:

Turno: 20

Ganhos:
Ingresso na Marinha;
B$250.000;
Uniforme da Marinha;
Perdas: -X-

NPCS Conhecidos:

▪ Calêndola: Moça de cabelos ruivos, dócil, com conhecimentos médicos e que luta com sebons. Aspirante a marinheira
▪ Oken: Loiro, baixinho e barulhento. Sempre alegre e fala o que vem na cabeça. Aspirante a marinheiro
▪ Panchi: Careca, distraído e muito forte. Se destacou em todos os treinos físicos e derrubou vários piratas na luta contra Jinru, o Ganso. Aspirante a marinheiro
▪ Élida: Moça de cabelos lisos negros e tatuagem no rosto. Personalidade difícil, não gosta de Gracie. Aspirante a marinheira



This post has been edited by Gracie: Jun 30 2018, 06:20 PM
mp
^
T. Wall
 Posted: Jul 2 2018, 10:12 AM
citar


T. Wall




N/A



253 posts

Ficha

T. Wall is Online

Narrador




Enquanto Gracie vivia um turbilhão de emoções com a promoção, todos ao redor pareciam felizes com suas fardas. A maioria dos marinheiros também contavam seus primeiros salários e, alguns, trocavam notas com outros por conta de apostas feitas ao longo dos trinta dias (algo comum em qualquer batalhão) normalmente com motivos idiotas como "quem aguenta mais tempo na patrulha", "quem limpa mais rápido os canhões", "quem toma menos bronca da tenente".

Porém, quando Gracie pensa em ir tirar satisfações com Oken, Hammabell retoma o microfone. Parece que ainda havia informações a serem passadas. Ela abre um outro pergaminho, colocando na bancada do púlpito, enquanto começa a falar:

Tenente Hammabell: Feitas as formalidades de entrega dos salários e uniformes, sigamos para promoções especiais. Todos vocês, igualmente, ingressaram na Marinha. Porém, alguns de vocês merecem destaque... - Ela fez uma pausa. - Seja pelos serviços prestados ou pelo empenho nos treinos, alguns de vocês receberão uma promoção automática com base em situações muito específicas. A primeira, não poderia ser outra pessoa, Calêndola... - Assim que ela falou o nome da companheira, todos se voltaram para a moça que corou:

Tenente Hammabell: Seu desempenho, mas, sobretudo, seu apoio na ala médica desta base possibilitaram uma rápida recuperação de seus companheiros. O espírito de equipe é algo que merece ser exaltado. Por conta disso, você foi elevada ao cargo de Soldado de Primeira Classe (一等兵, Ittōhei)!

Todos batem palmas para a médica que cobre o rosto com as mãos, com o rosto completamente vermelho.

Tenente Hammabell: Pela sua bravura no campo de batalha e, principalmente, pelo desempenho nos treinamentos físicos. Os reportes demonstraram que é um lutador acima da média, mas ainda existe muito a ser melhorado, como foi o caso da distração contra o inimigo. A despeito disso, Ichi Panchi, você foi promovido à Soldado Aprendiz (二等兵, Nitōhei)!

Panchi: Hããã? - Todos começam a bater palmas, e Oken dá uma cutucada nele.

Oken: Se liga, Panchi, você foi promovido! SHISHISHISHI! - Os dois começam a gargalhar.

Qual a reação de Gracie diante das duas promoções?

@Gracie
mp
^
Gracie
 Posted: Jul 3 2018, 12:46 PM
citar


Gracie




Soldado Aprendiz (二等兵, Nitōhei)



56 posts

Ficha

Gracie is Offline

Estagiário




#3: Shells Town salva!


Batia palmas, com o uniforme novo sob o braço e um semblante sério. A notícia inesperada fora ainda mais ímpar para mim, afinal havia estado com os dois durante suas ações diferenciadas e sabia que ambos mereciam tal reconhecimento. Entretanto, não estava realmente feliz. Não que sentisse inveja ou desejasse o mal para meus recém adquiridos colegas, mas não o senso de auto crítica me consumia. Havia dado o meu melhor, treinara, estudara e me motivara, todo dia, toda semana, até chegar onde estava, e ainda sim não era o bastante. Tinha grandes ambições, muitos objetivos mas meu ainda não era o bastante para concluí-los. "O que poderia ter feito melhor?" - Era a pergunta que pairava por trás dos meus olhos vazios, que fitavam o nada muito atrás da figura de Tenente.

Após o breve transe, retornei. Olhei para os lados, desconfiado, como se alguém ali pudesse ler minha mente conturbada. Mas logo me acalmei, finalmente a cerimônia chegaria ao fim. Precisava parabenizar Panchi e Calêndola, eles mereciam. Por tanto, assim que possível, me dirigiria a ambos, estendendo a mão com um sorriso atravessado no rosto, me expressando de maneira recatada. - Parabéns - O dia fora cheio de boas surpresas mas também de decepções pessoais. Precisava descansar, reorganizar as ideias e me preparar para poder seguir em direção de onde queria chegar dentro da instituição. Iria me dedicar para ser tão bom e tão notável quanto precisasse ser.

- Pessoal, vou me deitar, ainda sinto algumas dores - E então com um breve aceno de cabeça me distanciaria, retomando o plano traçado ao me dirigir ao local de repouso.

@T. Wall

Controle de Aventura:

Turno: 21

Ganhos:
▪ Ingresso na Marinha;
▪ B$250.000;
▪ Uniforme da Marinha;
Perdas: -X-

NPCS Conhecidos:
▪ Calêndola: Moça de cabelos ruivos, dócil, com conhecimentos médicos e que luta com sebons. Aspirante a marinheira
▪ Oken: Loiro, baixinho e barulhento. Sempre alegre e fala o que vem na cabeça. Aspirante a marinheiro
▪ Panchi: Careca, distraído e muito forte. Se destacou em todos os treinos físicos e derrubou vários piratas na luta contra Jinru, o Ganso. Aspirante a marinheiro
▪ Élida: Moça de cabelos lisos negros e tatuagem no rosto. Personalidade difícil, não gosta de Gracie. Aspirante a marinheira



This post has been edited by Gracie: Jul 3 2018, 12:49 PM
mp
^
T. Wall
 Posted: Jul 3 2018, 04:25 PM
citar


T. Wall




N/A



253 posts

Ficha

T. Wall is Online

Narrador




Em meio àquela profusão de sentimentos, sobretudo de autocobrança, Gracie pesava a autocrítica jogando sua mente numa série de pensamentos carregados. Estaria ele cobrando-se demais? Talvez, sobretudo, porque sua cabeça a mil não conseguia dar conta da continuação que vinha adiante.

Tenente Hammabell: A exemplo do agora Soldado Aprendiz (二等兵, Nitōhei), Ichi Panchi, existem três outros recrutas que mereceram a mesma promoção... - A tenente retomou o discurso. - Élida pela maturidade em se dirigir até a base e buscar reforços, assim como pela coordenação dos atiradores, vocês proveram a cobertura para seus companheiros no campo de batalha, parabéns! - Várias pessoas bateram palmas para seu desafeto particular que apenas olhou para você com um sorriso de certa superioridade.

Tenente Hammabell: Kishima Oken, sua destreza em combate também foram notáveis, além de sua aplicação durante o treinamento. Parabéns! - Novas palmas, Oken não continha em si mesmo, gargalhando fartamente. E, por fim... - Ringabell... - Seu nome foi dito pela tenente, que fez uma longa pausa. Os olhos se voltaram pra você que até então estava de cabeça baixa, com algumas mechas sobre a testa. - ... Um sobrenome não é nada. Mas uma atitude é tudo. No reporte do acontecido ouvimos de seus amigos que foi sua ideia ficar e lidar com o inimigo, enquanto alguns iam avisar à base. Apesar de arriscado, sua atitude foi digna de um verdadeiro líder. Ter a coragem de liderar, mesmo diante da incerteza do sucesso é algo para poucos...

Porém, a displicência no campo de batalha é paga com a vida, conforme você presenciou no caso dos piratas e, principalmente, de seu capitão. Merecidamente, pelo seu desprendimento no campo de batalha para salvar seu companheiro Ichi Panchi, também foi promovido à patente Soldado Aprendiz (二等兵, Nitōhei)!


Palmas, muitas palmas! Várias pessoas ao seu redor deram "tapinhas" em suas costas e Oken gargalhava seu "SHISHISHISHI!" característico. Cinco promoções naquele dia, todos que estavam ao seu redor. Não bastava apenas entrar na Marinha, mas já engatar uma promoção de cara é um feito e tanto!

Conte-nos, Gracie, como está se sentindo agora?



@Gracie
mp
^
Gracie
 Posted: Jul 7 2018, 09:58 AM
citar


Gracie




Soldado Aprendiz (二等兵, Nitōhei)



56 posts

Ficha

Gracie is Offline

Estagiário




#3: Shells Town salva!


Ao ouvir meu sobrenome e a clara referência a mim, gelei. Paralisado no tempo e espaço, de olhar fixo, mãos rígidas e boca levemente aberta. Havia conseguido, apesar de tudo, havia conseguido. A onda prévia de auto-crítica foi varrida como uma ilha lavada por uma enchente, o coração saltou no peito e os pelos se eriçaram. Havia feito o meu melhor, colocado em prática tudo que aprenderam apenas para poder crescer naquela instituição, e agora fora recompensado. A alegria se espalhou como um calor nostálgico por todo meu corpo, me sentia leve, motivado e acima de tudo recompensado.

Não olhei ao redor, evitando contato visual com meus companheiros, estava eufórico mas contido, não queria demonstrar tantos sentimentos de uma vez, afinal de uma imagem que queria passar apesar de como estivesse por dentro. Por fim, o punho se fechou levemente e oscilou, em sinal de conquista, brevemente. "É melhor você se cuidar, velhote, eu to chegando!" - Uma peleja interna se montava em meu âmago, um duelo particular com as conquistas prévias de meu avô.

Por fim, me aproximaria do meu grupo de aliados, sérios, contendo o sorriso. O uniforme novo apertado nas mãos, e satisfação suficiente para preencher além de mim mesmo. - Conseguimos. Vamos descansar que amanhã teremos nosso primeiro dia como verdadeiros marinheiros! - A expressão era claramente uma parabenização, reconhecendo todos ali como um grupo e demonstrando o quanto esperava mais ainda que alcançássemos.

@T. Wall

Controle de Aventura:

Turno: 22

Ganhos:
▪ Ingresso na Marinha;
▪ Promoção a Soldado Aprendiz;
▪ B$250.000;
▪ Uniforme da Marinha;
Perdas: -X-

NPCS Conhecidos:

▪ Calêndola: Moça de cabelos ruivos, dócil, com conhecimentos médicos e que luta com sebons. Toma decisões importantes em combate e sabe como analisar o campo de batalha. Soldado de Primeira Classe.
▪ Oken: Loiro, baixinho e barulhento. Maníaco por espadas e reconhece vários oficias da marinha, provavelmente pelo seu fanatismo. Sempre alegre e fala o que vem na cabeça. Soldado Aprendiz.
▪ Panchi: Careca, distraído e muito forte. Se destacou em todos os treinos físicos e derrubou vários piratas na luta contra Jinru, o Ganso. Mal hábito de enfiar o dedo no nariz. Soldado Aprendiz
▪ Élida: Moça de cabelos lisos, negros e tatuagem no rosto. Personalidade difícil, não gosta de Gracie. Soldado Aprendiz

mp
^
T. Wall
 Posted: Jul 7 2018, 05:07 PM
citar


T. Wall




N/A



253 posts

Ficha

T. Wall is Online

Narrador




Após as promoções, a Tenente Hammabell continuou:

Tenente Hammabell: Àqueles que não foram promovidos neste ato, não desanimem! - Falou com determinação. - A capitão-interino, John Doe, é um exemplo de como a persistência pode ser a chave para a progressão. Ele passou seus cinco primeiros anos numa base no North Blue treinando todos os dias. Ficou durante cinco anos como Zatsuyo, um mero ajudante, até que seus trabalho duro foi reconhecido e ele então foi mandado num navio para Logue Town e, depois, para a Grande Rota.

Nos mesmos cinco anos seguintes o antigo Zatsuyo se tornou um capitão e um dos mais valorosos companheiros que eu e a capitã Justance poderíamos ter. Sendo assim, não desanimem!
- Falou, por fim. - E sejam bem-vindos à marinha!

Marinheiros: Aye, Tenente-sama! - Responderam a maioria em uníssono.

Tenente Hammabell: Agora vão todos colocarem seus novos uniformes, para uma foto oficial da formação dessa primeira turma. Vão, vão! - Indicou a tenente, apontando para os vestiários.

No caminho, Gracie se aproxima de seus companheiros.

Calêndola: Anon... estou muito feliz por todos nós! - Disse a médica com as mãos abaixo dos seios, tímida.

Oken: Shishishishi... Falou a pessoa que teve a maior promoção. Você arrasa, Calêndola! - Brincou Oken.

Élida: Heh... Ringabell deve ter sido promovido por pena... - Provocou Élida, passando pelo grupo com alguns marinheiros que lhe acompanhavam nas risadas. Sem ficar para uma réplica.

Gracie, agora sim, narre como foi colocar a nova farda. Como foi a foto final da formação da turma (onde você ficou na foto, etc). E, por fim, como foi a noite. NPCs liberados para uso no próximo post (exceto Élida e Hammabell).

@Gracie
mp
^
Gracie
 Posted: Jul 11 2018, 08:01 PM
citar


Gracie




Soldado Aprendiz (二等兵, Nitōhei)



56 posts

Ficha

Gracie is Offline

Estagiário




#3: Shells Town salva!


No vestiário era uma verdadeira baderna. Falavam alto, gargalhavam e davam tapinhas uns nas costas dos outros. Era notório que todos estavam bastante felizes por terem se tornado marinheiros. Oken, sem roupa alguma, dançava em cima de um dos bancos e logo outros quatro se juntaram ao rapaz, fazendo um versão tosca e vergonhosamente triste da dança cancan. Outros gritavam e aplaudiam a pequena exibição enquanto outros grupos continuavam com seus afazeres, vestindo seus uniformes, falando sobre sonhos e objetivos. Gracie, após furiosamente desviar o olhar de Oken, nu, vestiu o novo uniforme, em silêncio. Estava muito feliz para se importar com qualquer outra coisa, e olhar para baixo e ver a vestimenta o enchia de orgulho.

Alguns minutos em seguida, Panchi, distraído, topou no banco em que o grupo dançava, lançando o móvel para frente violentamente, obrigando os recém-formados marinheiros dançarinos a se esborracharam no chão. Neutro, o careca os fitou e com o dedo no nariz falou: [Panchi] - Cuidado - Os cinco bailarinos retrucaram com ameaças e desafios porém após o semblante de Ichi se fechar, cada um foi para um canto, amedrontados. Apesar do seu jeito desleixado, Panchi vestia seu uniforme recém-adquirido de maneira impecável, não havendo nenhum amassado, era óbvio que até o cabeça de vento estimava a instituição e respeitava sua tradição. Ao ver a cena, Gracie abriu um sorriso aliviado e deu um tapinha nas costas do amigo. [Gracie] - Hahaha, essa foi boa Ichi - E o careca devolveu com uma risada silenciosa.

Após finalmente todos estarem devidamente uniformizados, se retiraram em direção ao pátio. Neste já havia uma estrutura de madeira, montada pelos marinheiros mais antigos, uma espécie de arquibancada com vários níveis para permitir que todos aparecessem adequadamente na fotografia de recordação. As fileiras saindos dos vestiários masculino e feminino se amontoavam em frente a estrutura, esperando orientação. Calêndola chamava atenção de todos, no pequeno espaço de tempo ela havia feito pequenas mudanças no seu uniforme, notadamente permitindo que seus seios se acomodassem confortavelmente e que a roupa se adaptasse as suas curvas. Os cabelos ruivos estavam presos por uma sebon, deixando alguns fios ondulados soltos, em uma espécie de penteado que emitia um ar elegante. O jovem Ringabell a fitou por alguns instantes, a admirando, mas logo foi surpreendido por uma cotovelada de Oken em suas costelas. [Oken] - Ei, babão. Shishishis. Oe, Panchi seu desgraçado.. - E o loiro saiu em meio à multidão, gritando com o careca sobre quase ter machucado suas bolas douradas.

A gritaria de Oken chamou a atenção e a marinheira estrela do evento fitou Gracie. Se aproximou do rapaz, que manteve-se parado, e abriu um sorriso estonteante. [Calêndola] - Gracie-kun! Estou tão feliz~ nunca vou esquecer esse dia! - Antes mesmo que pudesse responder, um oficial chama a atenção de todos, pedindo que se organizem nas fileiras para a foto. Após um breve período de confusão todos conseguem se acomodar. Calêndola ficou na primeira fileira, central, outras moças se espalharam na fila da frente. Gracie e Oken ficaram lado a lado, um pouco mais a direita em uma fila do meio, enquanto Panchi estava logo atrás dos dois, lançando cacas de nariz despreocupadamente, incitando a fúria do loiro. Um grito pode ser ouvido, pedindo atenção a foto, e todos respiraram fundo, enchendo o peito, batendo continência em uníssono. o clarão irrompeu e a imagem daquela turma de recém-formados marinheiros ficou gravada eternamente em retratos que foram distribuídos a todos como recordação.

Logo ocorreu uma breve conversa, alguns chorando, outros correndo e festejando, e outros simplesmente satisfeitos em sua comemoração silenciosa. Por fim, os oficiais ordenaram que se recolhessem aos dormitórios pois no dia seguinte já estariam assumindo suas novas funções como verdadeiros marinheiros e não como meros aspirantes. Após as despedidas, cada um foi a seu devido dormitório, encerrando a noite.

@T. Wall

Controle de Aventura:

Turno: 23

Ganhos:
▪ Ingresso na Marinha;
▪ Promoção a Soldado Aprendiz;
▪ B$250.000;
▪ Uniforme da Marinha;
Perdas: -X-

NPCS Conhecidos:

▪ Calêndola: Moça de cabelos ruivos, dócil, com conhecimentos médicos e que luta com sebons. Toma decisões importantes em combate e sabe como analisar o campo de batalha. Soldado de Primeira Classe.
▪ Oken: Loiro, baixinho e barulhento. Maníaco por espadas e reconhece vários oficias da marinha, provavelmente pelo seu fanatismo. Sempre alegre e fala o que vem na cabeça. Soldado Aprendiz.
▪ Panchi: Careca, distraído e muito forte. Se destacou em todos os treinos físicos e derrubou vários piratas na luta contra Jinru, o Ganso. Mal hábito de enfiar o dedo no nariz. Soldado Aprendiz
▪ Élida: Moça de cabelos lisos, negros e tatuagem no rosto. Personalidade difícil, não gosta de Gracie. Soldado Aprendiz

mp
^
1 User(s) are reading this topic (1 Guests and 0 Anonymous Users)
0 Members:

Pages: (4) 1 2 3 4 
fechado
novo tópico
fazer enquete