versão 8.1

Pages: (4) 1 2 3 ... Last » ( Go to first unread post )
responder
novo tópico
fazer enquete

 Arco dos Agentes do Desespero parte 1, Desespero
Redenblack D. Ryan
 Posted: Aug 31 2017, 08:02 PM
citar


Redenblack D. Ryan




Subtenente



569 posts

Ficha

Redenblack D. Ryan is Offline

Narrador





Despair's Agents Arc
Estranho Individuo

A
proximadamente, quase um mês se passou desde a captura do Raito e a derrota e fuga do Bando das Quimeras. Desde aquele dia, nenhum noticia, rumor, ou pista sobre as Quimeras fora encontrada, quase como se tivessem sumido completamente do mapa, e a vida prosseguia de forma tranquila e pacifica, talvez até demais! Mesmo assim, não se deixou de continuar as investigações, procurando por cada palmo da ilha e, ao mesmo tempo, protegendo o único ponto de entrada e saída da ilha, assim como interrogar as duas Quimeras em custodia. Mas até então nada!

A captura de mais uma Quimera acabou dando um pouco mais de notoriedade e respeito nos integrantes do Esquadrão 105 na ilha, dentro e fora da base da Marinha. Durante esse período de tempo, Ganauche Gaebolg fora promovido para a Sargento-Ajudante e passou a servir como assistente de Sargento Kane. Diferente de seus outros colegas e companheiros de Esquadrão, o loiro não mais participava de equipes de patrulha mas auxiliava o sargento na elaboração de relatórios, documentos e demais papeladas a serem arquivadas e que tratavam sobre o Esquadrão, afinal com a tenente Hana ainda fora de combate, o sargento Kane teve de assumir a responsabilidade do Esquadrão. No entanto, de vez em quando, saía no campo com o sargento para auxiliá-lo enquanto procurava algum rastro das Quimeras.

A situação da tenente não era das melhores. Mesmo estando consciente, os demais ferimentos internos e ossos quebrados a deixavam impossibilitada de voltar em ação ou ao serviço tão cedo, mesmo com os cuidados médicos da Alba Sapphire. Ela ficaria de fora por um tempo, internada e, após de sua recuperação, ainda precisaria de uma reabilitação para voltar á sua antiga forma. Entretanto, haviam rumores de que, em breve, seria apontado um novo oficial para liderar o Esquadrão.

Ao trabalhar com o sargento, o dragão loiro pude notar que este era o tempo todo calmo, relaxado, porém focado em seus afazeres. Apesar da frieza que sempre existia em seu olhar e de seu sorriso que mais parecia de deboche, Kane aparentava ser uma pessoa gentil e não arrogante como dava a parecer nos inícios. Era também uma pessoa bem analítica e não perdia sua compostura. A unica vez que ele saíra de si fora quando, ao acordar na ala da infirmaria, após da luta contra as Quimeras, ouvira pelos demais de que, mesmo o Draco tendo sido ferido, ele não fora capturado e as Quimeras escaparam com ele. Seu rosto se contorceu e, pela primeira vez, seus olhos expressavam um sentimento: a mais pura raiva, o mais puro ódio! Ele batia seu punho, demasiadamente cerrado, repetitivamente contra a cama e parecia frustrado com a noticia.

De todos modo, a nossa aventura se iniciava numa calma manhã que parecia ser como as outras. O tempo estava sereno, o céu completamente aberto, de um azul bem vivo e com nenhum a nuvem branca em vista. O sol, já alto no céu, dava sua luz e calor e, sortudamente, a brisa que vinha do mar ajudava para atenuar o calor e não oprimir os residentes de Sealkoun Town. Naquele dia, Ganauche se encontrava na UTI da ala médica da base da Marinha. Fora visitar, como já fazia há algum tempo, o seu companheiro Isshin Pride, a das primeiras vitimas das Quimeras na ilha. O jovem se encontrava ainda ligado as maquinas, num sono profundo da qual lhe era difícil acordar. Seus músculos se encontravam atrofiados, devido a já estar meses assim, deitado, sem se movimentar. Apesar de que seu corpo estar quase que completamente curado, sua situação mental não sofrera nenhuma melhoria ou piorava.


Todavia, diferente das outras visitas que o marinheiro carpinteiro fazia antes de ir para o trabalho, estava mais uma pessoa lá, naquele quarto! Se tratava de um homem, aparentemente jovem e esbelto, com longos cabelos loiros que caíam até as suas costas e, na ponta, se encontravam amarrados num rabo de cavalo. Seus olhos eram verdes e boa parte de seu rosto, que aparentava ser delicado, era oculto por uma mascara escarlate com bordas douradas. Ele trajava uma longa veste, da mesma cor e caraterísticas de sua mascara, que chegava até aos joelhos mas fechada na frente acima da cinturas mas deixando as pernas livres para se movimentar. Debaixo dessa veste usava uma camisa branca de mangas longas, com dois botões prendendo ambos os lados de seu colarinho, com um grande lenço de três camadas, também branco, preso em seu pescoço, lhe dando um ar quase que aristocrático. Também usava um par de calças com vinco cor bege, um par de botas negras e um chapéu escarlate que combinava com sua veste e mascara, possuindo uma plumagem rosa na sua lateral esquerda que caía até as suas costas.

Quem era aquele homem? O que estava fazendo ali? Ele observava, silente, para o Pride até que percebeu a presença do Ganauche e o fitou nos olhos, observando-o cautelosamente como se o estivesse estudando, abrindo um sorriso meio que confiante, o que poderia deixar o nosso marinheiro um pouco desconfortável.



Off: Aventura iniciada! Dei um inicial foco para o @SageLion por causa dessa ser a continuação do que aconteceu na anterior. A partir desse momento, @Vizux vc pode postar, tendo a liberdade de interpretar como as coisas se desenvolveram desde o fim da história da ficha até o dia da aventura, ou apenas como iniciou esse seu dia (apenas não coloque que já é um marinheiro). Depois eu começarei a mestrar e juntarei vcs no decorrer da aventura. Seja bem-vindo!

Spoiler
user posted image

Off: Esse é o meu inicio de vossa aventura. É bom saber que, ao ser pego por mim... "as portas do inferno se abriram" mwuahsuahsuhaushuah. Brincadeiras a parte, costumo "torturar" os players nas aventuras, aproveitando de cada brecha que deixam escapar, apenas em prol do melhoramento e aprimoramento deles. E tranquilo, não mato players, a menos que sejam realmente ruins xD Deixarei, em baixo, as minhas regras que valem para todos meus players:

• Dê uma olhada para o meu quadro de narradorAqui sobre minhas regras gerais e minha disponibilidade;

•Dê o seu melhor nos post. Utilize bom senso, estratégia, estética, ortografia, bom português (evitando abreviações e coisas do gênero). Melhorarmos como players deve ser o nosso lema;

• Outra coisa importante é que tudo que vai usar em uma determinada ação/post (vantagens, estilos de combate, profissões, técnicas, etc.), coloque ao final do mesmo, em quote ou spoiler ( Como preferir ). Se não o fizer, as ações feitas, itens usados ou coisas do tipo, serão completamente desconsideradas/ignoradas;

• Explique bem como vai atacar o inimigo. Sem usar "e se" e também sem fazer cem mil ataques por turnos. Também não pode avaliar-se de informações que o seu person não possui (meta-game);

• Quero que saiba que, caso tenha uma duvida, sugestão ou/e crítica acerca da minha narração, em qualquer momento da missão, pode contatar-me via PM, Skype ou Facebook, como preferir. Gosto de saber o que errei para poder melhorar e também gosto de ser amigo dos meus players (não que isso ajudará na sua Xp final xD).

Desejo-te boa sorte e juízo. Divirta-se, Vizux! ^^

--------------------


mp
^
Vizux
 Posted: Sep 1 2017, 01:14 AM
citar


Vizux




N/A



20 posts

Ficha

Vizux is Offline

Aventureiro




Após o evento na pequena loja de onde Basil Xoref trabalha, ele ficou pensativo... Zurim o aconselhou a tomar coragem de se alistar a marinha, e até os próprios marinheiros que ali estavam reconheceram suas habilidades no uso de armas de fogo. Ao término da longa conversa com Zurim, ele se decidiu que iria se alistar, contudo isso foi o início de um longo dia até o momento em que Basil chegaria aos portões da base da marinha.

Em sua casa Basil, se enchia com uma ansiedade tremenda e não conseguia dormir de jeito nenhum se ocupava em verificar seu traje, munições, armamentos e recursos, lia a carta dos marinheiros tantas vezes que o papel já estava começando a se desgastar...

user posted image

E assim foi a noite de Basil, com uma insônia tremenda por conta da ansiedade que havia tomado conta de seus pensamentos, e vários cigarros sendo tragados no decorrer da noite.

user posted image

Algumas horas depois Basil conseguiu dormir. Na manhã seguinte Basil acorda e começa se trajar, passados alguns minutos com todo o barulho que Basil fez Zurim acorda e vai ver do que se tratava.

- BASILLL JÁ LHE FALEI PARA PARAR COM ESSA AGONIA!! VENHA CÁ pegue essa revista da minha coleção para se acalmar hehehehe!

user posted image

Basil olha para Zurim e fala:

- Ahhh, não é hora para brincadeiras ZURIM! Mas aproveitando que está acordado quero que olhe e diga como estou por favor.

user posted image


Zurim ao começar olhar não resistiu e começou a chorar ele se afoga em lagrimas, mas não de dor e sim de orgulho, por ver aquele bestial que foi por muitos anos castigado pelos piratas quando escravo deles, se erguendo agora para ir atrás dos seus objetivos e sua justiça. Sendo ele (Basil) um filho para o velho Zurim.

- Basil você está mais que pronto meu filho! Sua habilidade é nata, eu já sei a muito tempo que você será um grande marinheiro! Agora que resolveu de vez se alistar tenho algo para lhe dar dos meus tempos de marinheiro para lhe proteger.

Zurim foi ao seu quarto e alguns minutos depois retornou ao quarto de Basil segurando uma especie de colar, mas o que mais lhe chamava atenção era o que estava ali preso a corrente uma chave misteriosa com um brilho forte, com geometrias exóticas com duas cores um prata e dourado.

- Basil esse é um item muito valioso para mim, que foi na minha primeira missão a muitos anos atrás como marinheiro eu achei na areia de uma ilha que não me recordo o nome agora, e graças a ela eu consegui me livrar de uma morte certa, pois você vê essa marquinha nela no centro é quase imperceptível, mas uma bala atingiu nesse local, eu não sei lhe dizer o tipo de material que é o dela, mas lhe garanto que é muito resistente a ponto de aguentar um tiro sem quase não sofrer arranhão algum. A partir desse dia sempre usei ela nas minhas missões para me trazer energias positivas e agora estou lhe dando para você que vai começar sua nova vida já ter pelo menos um pouco da minha energia sempre contigo.

user posted image


Basil segura nas duas mãos de Zurim e lhe agradece:

- Pai muito obrigado, por tudo desde o meu resgate anos atrás na costa dessa ilha, até os dias de hoje, e pode ter certeza que sempre usarei seu presente comigo. Agora esta chegando o horário de partir e tentar ser um marinheiro que possa trazer justiça.

Basil abraça Zurim e se despede, saindo pela porta um céu praticamente sem nuvens, uma brisa reconfortante, deixando a temperatura agradável no caminho Basil Xoref faz sua ultima verificação se seu rifle está preso corretamente em suas costas se suas duas pistolas estão carregadas, verifica as balas e claro acende seu cigarro partindo em direção a base da marinha, junto com a carta de recomendação dos marinheiros e sua determinação.

user posted image

Spoiler
Estilos:
Armas-de-fogo: pequeno porte
Armas-de-fogo: médio porte
Aprimoramento:
Ambidestria

mp
^
SageLion
 Posted: Sep 1 2017, 04:45 PM
citar


SageLion




Sargento-Ajudante



119 posts

Ficha

SageLion is Offline

Marinheiro




Justiça Absoluta

user posted image

Um mês havia se passado desde o confronto contra as Quimeras, nesse meio tempo algumas coisas haviam mudando na base da marinha. Tendo me tornado Sargento-Ajudante e trabalhando diretamente com Sargento Kane acabei cuidando mais da parte burocrática da base, algo que de início não me deixou nem um pouco feliz. Como nossas atuações fora da base se resumiam a seguir pistas do Bando da Quimera, passado a primeira semana de buscas no fundo eu já sabia que não chegaríamos a nenhum resultado. Pela diversidade dos seus membros, eles teriam capacidade de fugir tanto por mar quanto pelo ar e a verdade é que nada os prendiam a ficar na ilha, seus membros eram como patas que quando arrancadas poderiam ser substituídas, para poder acabar com essa criatura era preciso destruir a sua cabeça.

user posted image

Mas sejamos justos, junto dos deveres de escritório que veio a promoção, também veio uma liberdade maior no que se refere ao modo de se vestir. Desta forma pude voltar a um estilo mais social, mas ainda carregando o símbolo da marinha no peito. Entre uma papelada e outra pude me aproximar mais do Sargento de cabelos negros e olhar frio , quem acabou se mostrando não tão frio assim, e se tinha alguém que ficou mais incomodado do que eu pela fuga das Quimeras, esse alguém era Kane, pelo visto a história dos dois é mais profunda do que aparenta.

Enquanto o galo a longe cantava, eu já estava de pé e uniformizado para o dia. Como não sairia por agora em missão de ronda deixava a manopla no meu armário e apenas levava comigo uma adaga na bainha, uma aquisição que fiz após a última missão. Como todas as manhãs me dirigia para a ala médica ver o jovem Isshin, era uma conversa de uma via só na qual contava como andava as coisas com o esquadrão e as novidades, mas uma parte de mim acreditava que aquilo fazia bem para ele. Chegando no quarto eis que ao seu lado está um rapaz até o momento desconhecido, suas vestes remetiam à roupas utilizadas por alguns nobres que conheci na época que trabalhava como carpinteiro com minha família, mas não eram vestes do dia -a-dia , era algo mais utilizado em festivais.

user posted image

- ... Desculpe, mas esse é um setor apenas para pessoal autorizado, posso ajudá-lo em algo? - Perguntava enquanto me aproximava me entrepondo entre o mascarado e a maca de Isshin,caso fosse necessário...

Offs.



This post has been edited by SageLion: Sep 1 2017, 05:36 PM
mpWebsite
^
Redenblack D. Ryan
 Posted: Sep 21 2017, 10:01 PM
citar


Redenblack D. Ryan




Subtenente



569 posts

Ficha

Redenblack D. Ryan is Offline

Narrador





Despair's Agents Arc
Fuga de Informações?

G
anauche estranhava a presença daquele mascarado. Não era só pelos trajes que ele vestia, também pelo fato de que apenas os marinheiros ou familiares tinham a permissão de visitar o Pride. Ainda mais, no ultimo caso, sempre um marinheiro se encontrava de guarda na porta do quarto, sendo que ninguém mais, além do suposto nobre e do loiro se encontrava lá.

Ao ser abordado pelo Sargento-Ajudante, o homem misterioso colocava e apontava os dedos indicadores e médios de ambas as mãos ás têmporas, sem retirar seu olhar do Gaebolg. O silêncio instalou-se na sala, que aparentava durar mais do que realmente durara por causa da tão inusitada situação. Isso até que o mascarado o quebrou.

???

[???] - ... Desculpe, mas esse é um setor apenas para pessoal autorizado, posso ajudá-lo em algo?

O homem de longos cabelos loiros e mascara não só engrossava a voz e imitava a fala do marinheiro, como também os gestos, postura, praticamente tudo. Apenas mantinha consigo o seu sorriso, que de certa forma poderia ser interpretado quase como um deboche.

Ficou mais um tempinho encarando, analisando o dragão loiro até que finalmente se pronunciou, de uma forma que mais lembrava mesmo um nobre ou um poeta pela sua tonalidade, mas mantendo aquele sorriso que beirava a arrogância.

???

[???] - Sargento-Ajudante, Ganauche Gaebolg. 23 anos. Um dos membros mais promissores do Esquadrão 105, chamado de "Esquadro de Caça ás Quimeras". Dono de um estilo de luta próprio que se aparenta com o Muay Thai. Vencedor do torneio de alistamento da Marinha. Junto do Sargento-Ajudante Isshin Pride, derrotou e apreendeu Grubeld, o Urso. Junto do Soldado Aprendiz Yukimaro Tachibana, derrotou e aprendeu Raito, o Miúdo Maravilha. Estou enganado?

O mascarado estava calmo, relativamente calmo, fitando o marinheiro bem nos olhos. Como ele possuía todas aquelas informações a seu respeito? Quem era ele?

VIZUX

Enquanto isso, uma figura chamava a atenção dos passantes. Não só pela sua peculiar aparência, mas também pelo fato que estava armado até aos dentes e, por causa de sua cicatriz e cigarro em sua boca, não inspirava lá um ar bem confiável.

Contudo, os que mais frequentavam a loja daquele ser incomu, sabiam que se tratava de uma pessoa civilizada e amigável. Um mink bode que, além de atirador, sabia manufaturar e consertar armas de fogo. Esse era Basil Xoref!

O filho adotivo de Zurim, ex-marinheiro agora aposentado, saía de casa, finalmente decidido a seguir o conselho tanto dos marinheiros que o desafiaram naquele dia como, principalmente, do velho que o criou com tanto afeto e que depositava nele tanta confiança e esperanças. Se tudo desse certo, naquele dia, o bode atirador iria ingressar na Marinha e poderia mudar a situação de tanto outros que, assim como ele, viviam feitos escravos ou á mercê de piratas.

Assim sendo, o bestial se diria até o porto, carregando consigo a lembrança do Zurim, suas armas e a carta de recomendação dos marinheiros. Não demorou e nem foi tão difícil chegar até ao alto prédio branco com o símbolo da marinha pintado, com sua bandeira branca içada, balançando ao vento e dois marinheiros em posição rígida vigiando a porta. Estes possuíam um físico avantajado e porte atlético, parecendo mais seguranças que marinheiros. Ao entrar, se depararia com uma sala de espera/recepção comum, com as paredes pintadas de branco, um balcão no centro com alguns papeis e um den den mushi; a esquerda do balcão havia as escadas em espiral que levavam para o andar superior ou então continuava até ao inferior; à direita do balcão havia uma porta branca com um painel que deixava explícito que o acesso só era permitido ao pessoal autorizado; no lado esquerdo da sala havia dois grandes quadros, um com vários avisos, circulares, e documentos informativos pendurados, outro repleto de cartazes de procurados de piratas que circulavam na ilha e naquele Blue, alguns até riscados com um grande X nas suas fotos; no lado direito da sala havia um sofá branco encostado à parede com uma mesinha de seu lado esquerdo com algumas revistas e, em seu lado direito, um vaso de plantas.

Atrás do balcão, estava sentado um marinheiro loiro, tal como os marinheiros no lado de fora também era bem musculado, que enquanto fumava um cigarro compilava alguns papeis e organizava o que pareciam serem formulários. Assim que viu o nosso herói entrar, parou o que estava fazendo e olhou para ele e, de forma descontraída, cruzando os braços e se encostando na cadeira, perguntou.

Marinheiro

[Marinheiro] - No que posso ajudá-lo?


Off: Como já avisado no tópico de ausências, estive viajando e fiquei fora do fórum por algumas semanas. Acabei voltando mais tarde do que avisado, voltei na segunda, por causa de complicações de transporte, e só hoje consegui postar. Mas enfim, vamos nessa!
mp
^
SageLion
 Posted: Sep 23 2017, 10:51 PM
citar


SageLion




Sargento-Ajudante



119 posts

Ficha

SageLion is Offline

Marinheiro




Justiça Absoluta

user posted image

A atitude do homem de máscara apenas me fazia ficar ainda mais desconfiado e irritado. O toque de deboche que seu sorriso carregava era praticamente um convite aberto para uma luta. Eis que ele elevou sua apresentação de mágico leitor de mentes e além de prever o que iria falar, narrou minhas conquistas. De início minha reação seria partir para um posicionamento mais agressivo e obrigar o mesmo a responder como ele sabia tudo aquilo sobre mim, mas felizmente um lampejo de sanidade passou na minha mente antes me fazendo perceber seu joguete. Tudo o que ele narrou sobre mim, foram conquistas após ter entrado na Marinha, coisa que qualquer oficial rapidamente poderia saber, e detalhes que não foram à publico após seus acontecimentos.

user posted image

- ...ora ora ora, e não é que minha fama tem se espalhado? Agradeço a consideração, mas não precisava ter saído do seu baile de máscaras para vir me conhecer, poderia ter ido se trocar antes sem problemas.

Desarmando minha guarda e assumindo um tom mais sarcástico, próximo do mesmo, agora eu quem tentava puxar as rédeas da conversa. Pelas informações que tinha em posse e estar onde estava na base, muito provavelmente era algum oficial que gostava de criar problemas para os outros e no momento que tocassem nele, geraria uma ordem de desligamento ou punição. Mas nesse jogo 2 podem jogar tranquilamente.

~.

mpWebsite
^
Phantom
 Posted: Sep 27 2017, 09:24 AM
citar


Phantom




N/A



107 posts

Ficha

Phantom is Offline

Aventureiro




First Day Of a Hunter

Um dia como qualquer outro para muitos, mas não para Khaleesi Jäger! Para a garota, aquele se tratava de um grande dia, provavelmente o maior em toda a sua vida até aquele dado momento! Iria ser o seu primeiro passo para se tornar uma grande caçadora Jäger, capaz de capturar piratas e levar a paz e justiça aos que mais precisarem. Ela se sentia empolgada, animada em finalmente poder colocar em pratica tudo o que aprendeu desde que era criança, por finalmente ter a sua primeira caçada!

Ela descia a montanha, por onde foi o seu lar e local de treino por muito tempo. Não estava sozinha. Sua inseparável companheira, Kira, estava com ela. A enorme tigre dentes-de-sabre servia de meio de transporte, correndo por todo o caminho com a moça em sua garupa. Ela também estava bem animada, porém também se preocupava com a segurança da garota. Mesmo se fosse ordenada a ficar em casa, provavelmente iria na mesma atrás dela.

Uma vez na cidade, Khal prosseguia a pés, seguida por sua companheira animal, não antes de lhe dar um cafuné na cabeça, como agradecimento pela carona. Já fora algumas vezes para a cidade, com seu pai, mas foi mais para pegar o navio, rumo aos destinos por onde fora emitido a ordem de caça. Aquela seria a primeira vez que iria interagir com os locais.

Sua prova consistia em localizar, caçar, capturar e entregar um pirata para que finalmente se tornasse uma verdadeira caçadora Jäger. Para tal, ela teria de buscar e coletar informações, obter uma arma no local e engajar o alvo. Ela não se preocupava com nenhum desses aspetos, a não ser o primeiro.


- Qual será um bom local para poder buscar informações? O que você acha, Kira? -


Comentava a garota, pensativa, enquanto olhava ao seu redor, para as pessoas e lugares próximos. Ela precisava ser, antes de tido discreta e não levantar suspeitas ou chamar a atenção. Por isso estava vestida apenas com um quimono, parecendo mais uma tradicional garota dos campos, usando na cabeça um chapéu cônico de arroz para proteger a cabeça do sol. Apenas levava consigo um pano, marrado ao pescoço, onde dentro estava sua muda de roupa, sua roupa de caçadora.

Pensou um pouco e o melhor lugar onde poderia procurar era um bar. Lá seria mais fácil ter qualquer tipo de informações, já que era frequentado por vario tipo de gente, principalmente a escória. Talvez até poderia encontrar um pirata lá se a sorte a assistisse! Outro lugar era a base da Marinha, mas duvidava que lá dariam informações de boa vontade para uma caçadora que queria fazer o trabalho deles. Iria para lá mas apenas em ultimo lugar, quando fosse levar a cabeça do pirata e receber sua recompensa.

Assim que viu um bar, pediu para Kira a esperar na rua e acabou entrando lá, se dirigindo direto para o balcão. Sentou-se e pediu para quem estava de serviço.


- Bom dia! Poderia me dar um copo de água, por favor? É que faz um calor hoje... -



TAG: --- | WORDS: --- | NOTE(S): --- | ?


Olá a todos! Meu irmão me deu a permissão de invadir esse tópico. Espero que nos divirtamos juntos!

--------------------
mp
^
Vizux
 Posted: Sep 28 2017, 10:30 PM
citar


Vizux




N/A



20 posts

Ficha

Vizux is Offline

Aventureiro




Ao chegar na marinha Basil vagarosamente observou tudo ao seu redor, tentou aguçar sua visão e percepção aos mínimos detalhes tanto externos e internos do prédio ao qual adentra, apagou seu cigarro antes de entrar apertou sua jaqueta para diminuir o barulho do balançar das armas e puxou de um bolso interno uma carta recomendativa.

Se direcionou ao balcão onde o marinho loiro o questionou qual era sua intenção na marinha de prontidão ele falou:

-Senhor estou aqui para me alistar a marinha! Behh..
Tenho posse dessa carta de recomendação que dois marinheiros me concederam, além de ter sido criado por um ex-marinheiro o Zurim behh.. behh...


Basil Xoref, se apresentou mais calmo até do que ele mesmo esperava, e não aguentava mais ficar sem seu cigarro na boca e começava a emitir sons característicos da sua especie animal.

mp
^
Redenblack D. Ryan
 Posted: Oct 1 2017, 01:42 PM
citar


Redenblack D. Ryan




Subtenente



569 posts

Ficha

Redenblack D. Ryan is Offline

Narrador





Despair's Agents Arc
Perigo á Espreita!

S
em hesitar, o mink bode se apresentou, calmamente, diante do marinheiro que estava na recepção, apesar que por estar sem fumar já há algum tempo, começou a emitir sons caraterísticos de um bode, de sua natureza. Por uns breves instantes, o marinheiro o fitou com um rosto estranho, mas depois voltou á sua compostura e tranquilamente respondeu para o mink, de uma forma bem séria.

Marinheiro

[Marinheiro] - Sinto muito behh, mas já fechamos nossas vagas e não estamos mais recrutando behh. Mesmo que tenha sido criado pelo Zurim-sama, tem de esperar para quando abrirmos novamente o período de alistamento behh behh. Droga! Acabei pegando aquilo!

Mesmo que tenha imitado seus sons e isso poderia parecer como se estivesse o debochando, isso não parecia ser a intenção dele já que até mesmo se sentiu constrangido e cobriu a sua face no fim de sua fala. Entretanto, além de parecer bastante sério e sincero sobre o fato de que não haviam mais vagas, também outro particular dava a entender que ele conhecia o Zurim, ou ao menos ele era conhecido e respeitado lá na base.

Mas antes que pudesse pensar em voltar as costas e sair do local, um outro marinheiro se aproximou. Era um jovem de cabelos negros curtos e lisos, olhos azuis bem claros e um porte esbelto. Vestia uma farda de marinheiro, no entanto com algumas leves modificações: por cima da camisa branca, usava uma negra de mangas curtas e que tinha o logo da marinha estampado no lado esquerdo do peito; seu lenço azul no pescoço era bem mais grosso e o usava ao contrário (estilo thug xD); havia um rasgão em sua calça, acima do joelho e suas meias verdes ficavam bem visíveis. Também, usava um coldre na cintura onde, além de guardar uma revolver, também havia mais dois bolsos, talvez para guardar munições.

Tão logo chegou esse marinheiro, o que estava no balcão se levantou e bateu continência, o que significava que deveria ser de uma patente alta ou superior á do marinheiro na recepção. Seu olhar gélido causava um certo arrepiou no mink bode quando este o fitou nos olhos e, com a mesma postura fria, pedia para que lhe entregasse a carta de recomendação. Uma vez que Basil a entregasse e o marinheiro lesse o seu conteúdo, de repente a fez em mil pedaços que lançou pelo ar e se espalharam pelo chão. Então, com um sorriso que mais beirava a sarcasmo, falou para Xoref.

???

[???] - Tal como o soldado aqui falou, as nossas vagas já esgotaram. Além disso, já deve ter um tempo aqui e deve saber que, nessa ilha, tudo é baseado na própria força e capacidades sendo que apenas uma carta de recomendação não seria suficiente para entrar nos nossos ranques. Teria de nos provar e ...

De repente sua fala abou sendo cortada pelo som de um den den mushi tocando no bolso do marinheiro. Quando este atendeu, podia-se ouvir, do outro lado, sons de batalha e a voz de uma pessoa ferida que pedia ajuda, já que estavam sendo atacados. O marinheiro se demostrava surpreso e, prontamente, mandou o que estava atrás do balcão para que lhe mandasse chamar um certo Sargento-Ajudante Gaebolg e que se dirigisse, depressa, ao porto. Após disso, falou para o mink enquanto já se dirigia para a saída e pedia para os dois marinheiros lá na rua para o seguir.

???

[???] - Você, mink! Venha conosco! Talvez essa possa ser uma boa chance de provar suas capacidades e valor!

Uma chance aparecia para Basil. Será que ele aproveitaria?

PHANTOM

Nas ruas, algo chamava a atenção das pessoas. Não era a linda garota de quimono que passeava, protegendo-se do sol com o seu chapéu; mas sim o animal que a acompanhava e que incutia o medo nos passantes. Afinal, uma tigre dentes-de-sabre ou qualquer outro feroz animal selvagem não era algo que as pessoas estavam acostumadas a verem passear pela cidade.

A garota, uma aspirante caçadora de piratas cujo nome era Khaleesi Jäger, estava na sua primeira caçada e precisava provar para o seu pai de que ela estava pronta para ser uma caçadora. Dessa forma, precisava capturar e entregar um pirata e, para tal, obter informações era uma peça vital do trabalho. Por causa disso, ela adentrou no primeiro bar que se deparava, descendo suas escadas que pareciam como que levar a um subsolo.

O interior era bem escuro e pouco iluminado, principalmente para quem tinha vindo e não aparentava ser um bom lugar, principalmente para uma garota. Era bastante rustico e sujo, a madeira das mesas e cadeiras parecia ser bem velho e no teto até se podiam ver teias de aranhas. Além disso, o cheiro forte de bebida, uma mistura entre o da cerveja, rum e outras bebidas fortes. Mas o que mais chamava a atenção era a clientela de lá, um bando de energúmenos e aparência que inspiravam pouca confiança, direcionando seus olhares para Khaleesi desde que ela colocou os pés no bar. Alguns deles até mesmo faziam piadas com a garota, a provocavam ou buscavam assediá-la sexualmente... pelo menos com palavras, por enquanto.


O barman do local era um homem alto e musculado, sua cabeça era careca, detendo cabelo preto apenas nos lados e na parte traseira da cabeça e patilhas que descem até as bochechas e acabam se juntando á barba. Vestia uma sorta de macacão escuro, cujas mangas foram arrancadas fora, uma camisa de meia mangas por debaixo do macacão e um par de botas metálicas. O mais caraterístico dele, além de uma cicatriz sobre seu olho direito e um pedaço metálico por debaixo deste, era a presença de uma prótese metálica no lugar de seu braço esquerdo. Ele também olhava bastante para a garota, mas diferente dos demais que pareciam ter algum desejo lascivo por detrás, o olhar dele era de pura surpresa e desconfiança ao mesmo tempo. Ao ouvir o pedido da garota, encheu uma caneca numa das torneiras e o deslizou pelo balcão até chegar a ela, enquanto lhe falava em um tom seco, como se demostrasse que sua presença não era bem-vinda, retirando de sua boca o cigarro, mas não antes de dar uma bela tragada e exalar a fumaça ao redor.

???

[???] - Mocinha, você sabe que tá no lugar errado, não sabe? -


De repente, um homem se aproximava dela. Era um homem alto e musculado e pela forma como andava inclinado até parecia que tinha uma corcunda. Era careca, com tatuagem vermelhas em forma de chamas tano atrás da cabeça como nos ombros e em seu braço direito, seus olhos eram amarelos e amarelo também era o par de calças que ele vestia, com ligaduras em seu abdome e por baixos dos joelhos, um enorme medalhão de ouro em seu tórax, que mais parecia como que uma proteção, preso por fivelas que envolvem seu corpo. Ele estava descalço e, além da proteção nos braços que, em seu design, também possuíam desenhos de chamas, ele possuía muitos percinges nas orelhas e uma katana amarrada ás ligaduras na cintura.

???

[???] - Garota, venha gentilmente conosco, sem alguma resistência! Prometo que seremos bonzinhos com você e vai se divertir muito.-

Mesmo falando de forma inexpressiva, quase que sem sentimentos, soava mais como uma ordem, ainda mais com ele colocando e mostrando claramente para a moça a mão que ele possuía já no cabo de sua katana e que suas intenções não eram boas. Ele não estava brincando e seria capaz de usar a força para que ela cooperasse com os desejos dele e de seus companheiros, os mesmos que a estavam assediando verbalmente já há um tempo. O barman simplesmente parecia não ligar e se limitava a limpar os copos com um pano. O que faria a garota diante dessa situação?

SAGELION

A forma como aquele homem misterioso irritava o sargento-ajudante, que se via não só sendo imitado, como também aquela figura desconhecida possuía muitas informações sobre sua pessoa. De incio, ele já estava se preparando para partir para acima daquele sujeito, achando tudo uma provocação, no entanto algo o conteve.

Pela sua mente passou a possibilidade dele ser algum oficial da Marinha. De fato, as informações que dispunha remontavam desde os princípios de sua carreira e o fato de não ter nenhum oficial de vigia parecia apontar mais para esse caminho. Entretanto, tinha algo em que Gaebolg se encontrava! Certo que seus feitos eram do conhecimento de qualquer oficial que operava na base daquela ilha, todavia eles não eram os únicos.

De fato, eventos como o torneio de alistamento da Marinha, a captura de Grubeld o Urso e a do Raito já apareceram nos jornais e, principalmente essas noticias, já percorreram pela boca e ouvidos dos locais, não sendo nenhum tipo de segredo ou operação secreta da Marinha. Nada do que fora dito pelo loiro mascarado aparentava ser algo confidencial.

???

[???] - ...ora ora ora, e não é que minha fama tem se espalhado? Agradeço a consideração, mas não precisava ter saído do seu baile de máscaras para vir me conhecer, poderia ter ido se trocar antes sem problemas.

Mais uma vez imitava as palavras, gestos, voz e até mesmo o tom sarcástico do marinheiro, mas mantendo aquele sorriso de deboche e ar de superioridade que suas vestes acabavam por delinear mais.

De repente, ele acabava dando um passo na frente, ficando mais próximo ao marinheiro, cara-a-cara. Encarando-o direto nos olhos, abria um sorriso, voltando novamente a falar com o tom de quem iria fazer uma poesia, além de meio esnobe.

???

[???] - Faço questão mesmo de conhecê-lo, afinal é já há algum tempo que queria conhecer o homem que derrotou o meu pupilo em combate e, ainda, lutou ao seu lado antes de ter sido esmagado.

Quando terminou de falar, aquele foi o único momento em que o mascarado retirou seus olhos dos do marinheiro e olhava para o Isshin Pride, ainda em estado comatoso, completamente vulnerável.

Um marinheiro acabou aparecendo, todo ofegante e suado, parecendo estar com pressa, provavelmente estava á procura de alguém já há um tempo e em vários locais da base. Tudo dava a entender que estava a procura do próprio Ganauche, a mando do Sargento Kane, reportando que alguns marinheiros sofreram um ataque no porto e foi requisitada a presença dele no local. Com isso, o mascarado colocou sua mão esquerda em seu chapéu e já fazia sua saída do quarto, mas não antes de dirigir umas ultimas palavras para o marinheiro.

???

[???] - Parece que o dever lhe chama, Ganauche Gaebolg. Foi um prazer conhecê-lo. Até mais ver!

O quê será que terá acontecido no porto? Se não se enganava, a equipe de Matt Burke, Jahzmine Rai, Emma Sunflower e Yamato ficara de fazer patrulha lá naquele dia.

mp
^
SageLion
 Posted: Oct 6 2017, 06:59 PM
citar


SageLion




Sargento-Ajudante



119 posts

Ficha

SageLion is Offline

Marinheiro




Justiça Absoluta

user posted image

Se tinha algo em que esse pomposo sabia fazer melhor do que irritar, era em imitar, isso eu tinha que tirar meu chapéu, em questões de segundos ele já havia conseguido copiar todos os meus trejeitos e entonação de voz correta. Mas ser esnobado e copiado pela terceira vez já era o limite, quando estava para engrossar a voz eis que o loiro entoava algo sem ser apenas repetição, sendo que foi o bastante para me deixar sem nenhuma reação de boca semi-abertas, apenas em um loop olhando para Isshin e para o loiro. Sendo interrompido na hora, como se tudo preparado no time certo em uma peça de teatro, pela chegada baforada do soldado trazendo a ordem do tenente.

user posted image

- Ma...mas....

Como o mesmo disse, o dever me chamava e pelo visto era algo de urgência, mas antes de seguir o caminha meu corpo teimava em se segurar no lugar por questão de segundos. Não sabia o que exatamente precisava falar com aquele homem, se era para pedir perdão pelo estado de Isshin ou se era para simplesmente contar o quão bravamente ele lutou até o final...mas precisava ficar para depois, saía acelerado dando uma rápida olhada para trás vendo os dois, passava rapidamente para me equipar com minha manopla e seguia em direção à entrada da base para onde havia sido chamado.

~.

mpWebsite
^
Vizux
 Posted: Oct 8 2017, 08:32 PM
citar


Vizux




N/A



20 posts

Ficha

Vizux is Offline

Aventureiro




Ao ouvir do marinheiro que o alistamento estava encerrado um desanimo cercou os pensamentos de Basil Xoref, este que com tanta disposição havia se decido em honra a seu pai adotivo Zurim , seguir o caminho da justiça. Assim ele já estava pensando como convencer o marinheiro a rever a possibilidade, mas com seus instintos aguçados de bode, ele prevê um outro marinheiro se aproximando, e como é de se esperar, seus instintos de observação e percepção não falham e viu um um jovem de cabelos negros curtos e lisos, olhos azuis bem claros e um porte esbelto. Vestia uma farda de marinheiro, no entanto com algumas leves modificações, chegar ao seu lado, no mesmo instante o marinheiro o qual estava conversando se levantou e prestou continência ao mesmo, Basil então notou que este não era qualquer um. No desenrolar esse marinheiro misterioso para Basil até então, pede sua carta dada por outros marinheiros e o vê rasgando, e falar que isso de nada adiantaria para seu alistamento pois somente com fatos e demonstração de capacidade ele poderia ingressar nessa almejada instituição. Basil com toda sua perspicácia, iria dirigir algumas palavras quando de repente o den den mushi dele o alarda, com um chamado de emergência! E nessa oportunidade se fez uma luz para Basil Xoref, a sua chance de demonstrar toda sua habilidade, ao ser chamado para ir junto com o marinheiro de prontidão Basil abriu um sorriso meio que maquiavélico, sua feição mudou em poucos segundos e diante disso com grande habilidade este sacou seus dois revolveres e verificou com um gesto muito sutil e veloz se estes estavam carregados!

user posted image

user posted image

- Essa era a chance que eu precisava pode contar comigo Behhh!!! Estou pronto!

Na mente de Basil ele se concentrava mais do que o habitual, e ao mesmo tempo não aguentava em ficar mais sem fumar seu cigarro, e quando saisse para o lado externo iria acender seu cigarro!.
mp
^
Phantom
 Posted: Oct 24 2017, 07:40 AM
citar


Phantom




N/A



107 posts

Ficha

Phantom is Offline

Aventureiro




First Day Of a Hunter

Khal pouco se importava com as condições do local, nem tão pouco com os olhares que sentia por cima de si e seus comentários. Preferia ficar calma e tranquila, bancando o papel da indefesa. Se alguém iria partir para cima e tentar algo, sabia se defender. Até mesmo com o barman fumando (algo que ela não gostava) e tentando dissuadi-la em ficar naquele lugar, ela fazia cara de boba, pegando a caneca e bebendo um pouco da água.


- Porquê? Este lugar é tão ruim assim? -


E naquele momento chegava um skinhead alto, tatuado e com más intenções, o tipo que ela mais desprezava. Teria chegado o momento de espreguiçar um pouco e suar suas técnicas em algum bandido? Tudo dava a entender que sim, afinal ele exortava a garota a fazer algo bem sujo e ainda tentava intimidá-la com a sua katana. A futura caçadora apenas suspirou e tentou pensar nalguma solução que não fosse necessariamente sair na mão. Não encontrou.

Fechou os olhos e, como se tivesse desistido de tudo, anuiu positivamente com a cabeça e já se preparava para descer de seu sento. Só que, naquela hora, pegou a caneca que segurava bem firme em suas mãos e a arremessou, logo contra o homem, mirando a cabeça. Em seguida, se lançou contra ele. Estava ciente da diferença de alturas que existia entre os dois, mas mesmo assim, resolveu aproveitar do fato para desferir um forte soco naquela zona onde o sol não batia. Isso ao menos deveria deixá-lo incapacitado e no lugar ao qual a garota julgava que lhe pertencia: o chão!


- Assim você aprende como se trata uma donzela! -


Enquanto isso, Kira estava do lado de fora, debruçando sobre si assim como os gatos faziam e aproveitando para tirar uma soneca.


TAG: --- | WORDS: --- | NOTE(S): --- | ?


Spoiler
PECULIARIDADES:
• Aceleração (1PE): Você é mais ágil que o normal e pode realizar ações e correr mais rápido. Esta Vantagem permite realizar uma tarefa que normalmente tomaria sua movimentação no turno, como recarregar uma arma ou desativar uma bomba, porém ela não permite atacar mais do que o estipulado pelo mestre.
Benefício: Interpretativo; Concede um bônus +4 em Agilidade.

• Esquiva Sobrenatural (1PE): O instinto de sobrevivência do personagem é maior que sua própria velocidade de raciocínio e, às vezes, diante do perigo seu corpo responde antes de você pensar em reagir.
Benefício: Quando sofre um ataque surpresa a penalidade é reduzida para 1/4 na rolagem de esquiva, e tem 25% de chance de ignorar completamente o redutor.

• Pele de aço (1PE): seja por uma característica racial ou por uma mutação, o fato é que seu corpo é mais resistente que o normal, aguentando mais golpes que outras pessoas.
Benefício: Concede um bônus +2 em Resistência.

• Sincronismo Natural (1PE): O personagem uma habilidade natural para se adaptar aos diferentes estilos de combate de seus adversários, sendo capaz de aumentar sua eficiência conforme estende suas lutas.
Benefício: A partir do terceiro turno de combate contra um inimigo em particular, o personagem recebe um bônus +1 nas jogadas de acerto, dano e defesa, e esse bônus aumenta em +1 a cada novo turno, até um máximo de +3. Esse benefício só pode ser usado contra um oponente por vez, e é perdido ao final de cada combate.


APRIMORAMENTOS:
• Acrobata (1PE): Com grande capacidade de movimento, consegue entrar com facilidade em locais de difícil acesso, executar difíceis manobras e realizar acrobacias diversas.
Benefício: Interpretativo; Concede um bônus +1 nas jogadas de defesa.

• Furtividade (1PE): Capacidade de caminhar sem ser percebido, seja sob a luz ou nas sombras (que obviamente é um trabalho mais fácil), podendo se aproximar de alvos com mais facilidade. Combinável com "Invisibilidade".
Benefício: Interpretativo; Concede um bônus +2 em testes de Furtividade.

• Mulher das Montanhas (1PE): O personagem é habituado a colinas e montanhas, sofre menos penalidades ao lidar com declives e possui habilidade em escalar paredes e montes, com ou sem ajuda de equipamentos.
Benefício: Interpretativo; Concede um bônus +1 em acerto e defesa quando está nas montanhas

• Investigador (1PE): O personagem sabe usar a lógica e coletar pistas para traçar perfis e adquirir informações sobre pessoas e missões. Pessoas normais podem investigar, mas este aprimoramento garante que seu personagem seja bem acima da média em seu sucesso.
Benefício: Interpretativo; Permite que o personagem possa obter informações através dos mais variados recursos, como lábia, sedução, suborno ou tortura.

• Le Parkour (2PE): É uma atividade onde seus adeptos percorrem um caminho cheio de obstáculos e tem por finalidade chegar ao final do percurso em menos tempo. É composta por escaladas, saltos e outras manobras arriscadas na intenção de superar obstáculos rapidamente. Soma com Acrobata.
Benefício: Concede um bônus +1 nas jogadas de defesa e agilidade, e ignora penalidades por terrenos difíceis.

• Rastreio (1PE): O personagem sabe rastrear pegadas, traços de fuga e juntar fatos do cenário para verificar rotas e saber com exatidão onde alvos se esconderam e fugiram. Serve tanto para animais quanto para criaturas inteligentes.
Benefício: Interpretativo. Uma vez que tenha obtido pistas suficiente, dificilmente perderá seu alvo, mesmo que este tente se esconder.

• Sobrevivência (1PE): Você tem conhecimento e treinamento básico de sobrevivência em emergências. Sabe criar fogo, pescar, criar um refúgio. Isto independente da região que aconteça o acidente. Suas medidas serão rudimentares, mas serão suficiente.
Benefício: Interpretativo. Pode ser usado em conjunto com aprimoramentos regionais (como "Homem das Montanhas" ou "Homem das Selvas") para melhores resultados.

• Treinamento Doloroso (2PE): Depois de sessões incansáveis de treinamento, seu personagem simplesmente sabe lidar melhor com as dores que sofre. Mesmo se precisar fazer várias lutas sequenciais, ele se mantém com um limite aceitável de dor e controle do corpo.
Benefício: Interpretativo; Penalidades por dano nos atributos secundários é diminuído em 5%.

• Veterinário (1PE para Adestradores): O médico dos animais. Consegue identificar e curar doenças de qualquer animal, além de ser capaz de cuidar de ferimentos e fraturas.
Benefício: Interpretativo; Pode curar até (nível)% da vida de animais tratados. Médicos conseguem usar seus bônus de cura normalmente (sem o aprimoramento médicos conseguem curar animais com apenas metade da eficiência).


ESTILOS PRIMÁRIOS:
• Armas-de-arremesso (1 PE): O personagem é capaz de usar qualquer tipo de arma de arremesso, como facas arremessáveis, machadinhas, etc.

• Armas-de-Corte: lâminas longas (1 PE): O personagem é capaz de usar qualquer tipo de arma com lâmina maiores como espadas, sabres ou katanas.

• Lutador de Rua (1 PE): O personagem sabe lutar com socos e pontapés, sem precisar seguir um estilo de marte marcial predefinido. Pode combinar este talento com uma série de outros para ampliar suas capacidades (ex: acrobacias, haki, akuma no mi, estilos avançados). Caso equipe alguma arma, ainda pode combinar com chutes, cotovelas, agarrões etc.

ESTILOS AVANÇADOS:
• Pirate Hunter (2 PE): Estilo de combate da família mercenária Jäger, que consiste em técnicas, de luta, caça e captura de piratas. Envolve o uso de várias armas desde espadas e lâminas a correntes, boomerangues enormes, foices e até bombas de fumaça e venenos. Não só se avalia da força do seu usuário, mas também de sua destreza, sagacidade e furtividade.
Requisitos: Armas-de-arremesso; Armas-de-Corte: lâminas longas; Lutador de Rua; Ser um Jäger.
Talentos: Especialização em Ataque, Foco em Defesa (Bloqueio)
Bônus: +2 Dano, +2 Bloqueio, +1 Resistência


Desculpas pelo meu atraso pessoal, semanas complicadas entre a facul e a mudança de casa.
mp
^
Redenblack D. Ryan
 Posted: Oct 31 2017, 07:01 AM
citar


Redenblack D. Ryan




Subtenente



569 posts

Ficha

Redenblack D. Ryan is Offline

Narrador





Despair's Agents Arc
Gosto Amargo da Derrota!

A
A ocasião vinha mesmo a calhar para o mink bode que, já preparando suas duas fieis companheiras, aceitou de bom grado e seguiu o marinheiro de olhos gélidos, mas não antes de, uma vez do lado de fora da instituição, fumar um cigarro para matar o vicio e evitar voltar a berrar como antes. De certo, não queria aparecer mal na foto bem quando conseguira uma chance para mostrar seu valor!

Basil dava seu melhor para acompanhar o ritmo acelerado dos marinheiros que estavam na sua frente e com o oficial de cabelos negros bem na liderança, mais a frente ainda. Afinal, eram homens que treinavam constantemente para lidar com emergências! Em poucos minutos, acabaram chegando no porto, já que era relativamente próximo da base. Do lado de fora, diante de seus portões, uma grande multidão se encontrava, entre essa havia comerciantes, estivadores e pescadores, que logo abriram o caminho para os marinheiros.

No local, a batalha já parecia ter terminado e tudo o que eles puderam encontrar foram mais as consequências: três pessoas e um animal, todos fardados como marinheiros, caídos no chão, desacordados.

Um deles, um jovem de porte atlético, cabelos curtos e negros e que usava óculos, estava deitado de cara no chão. Seus óculos estavam quebrados e seu corpo possuía várias marcas ensanguentadas de chibatadas e, ainda mais nas pernas, feitas por um chicote ou algo parecido. Em suas mãos, tinha um den den mushi, o que já dava a entender que ele era o marinheiro que ligara anteriormente para o frio oficial.

Mais para a frente, havia uma mulher de beleza estonteante e exótica, com longos cabelos negros e lisos, seriedade no rosto e um arco no chão.. O mink bode, devido á sua experiencia, reconhecia facilmente que seus ferimentos foram provocados pr uma arma de fogo de pequeno porte. Ela perdera bastante sangue mas, por sorte, não fora alvejada em pontos vitais, mas apenas nas pernas e braços. Ela estava de cara para o chão, com sua alijava de flechas nas costas e, a julgar tato pela posição como pelo rasto de sangue deixado por ela, poda-se deduzir de que ela tentou se arrastar até á borda, para o mar. No entanto, ela acabou perdendo as forças e a consciência bem próximo á meta.

Mais para a frente, havia uma garota de cabelos alaranjados e que também usava óculos, deitada de costas no chão, com muitos hematomas pelo corpo e até mesmo em seu vulto. Hematomas estes que denunciavam ter sido espancada violenta e brutalmente.

Ultimo e mais distante de todos estava um panda que usava um lenço azul com o logo da Marinha, assim como a tipica camisa branca do uniforme. Ele também possuía marcas pelo corpo, ou melhor, pelo pelo todo e camisa, mas eram mais marcas de socos. Sua língua ficava de fora da boca enquanto que estava estirado no chão.

O marinheiro se aproximava do garoto de óculos e fez sinal para os outros marinheiros fazerem o mesmo. com os outros caídos. Verificavam os pulsos, as regiões atingidas e condições de todos os feridos e, após os dois marinheiros olharem para o superior e acenar positivamente com a cabeça, este, mantendo a feição fria e incompassiva, concluía em voz alta, de braços cruzados mas com um leve sorriso de satisfação.

???

[???] - Estão apenas desacordados! Não correm riscos de vida. -

Tudo já havia terminado. Ninguém mais podia ser visto no local, além deles. Mercadorias, caixas, bidões entre outros, estavam espalhados pelo local e navios tanto comerciais como da Marinha estavam ancorados. Parecia que Basil havia perdido sua chance de brilhar!

No entanto, mais um marinheiro chegava na cena...

PHANTOM

Khal se fazia de indefesa, inocente, bebendo a sua água e perguntando o motivo pela qual não deveria estar lá. O barman simplesmente a ignorava enquanto que se aproximava um energúmeno que a abordava, querendo que ela se dobrasse á sua vontade.

Num primeiro momento, ela fingia se render ao homem e descia de seu assento. Isso fez com que ele sorrisse de leve, de forma confiante e lasciva, e assim fizeram os seus amigos. Contudo, pegando na caneca, ela a arremessou bem direto na cabeça do homem, acertando-a em cheio. Ele deu um passo para atrás, instintivamente colocando suas mãos na cabeça, na região que doía. A caçadora tentou aproveitar a oportunidade, a brecha que lhe fora aberta. Entretanto, no exato momento em que estava para ser bem sucedido, com a mão direita, o homem agarrou o braço da garota e a lançou contra uma das mesas.

???

[???] - Sua p*****a! Vou ensinar as boas maneiras! -

Os seus amigos se levantaram da mesa e se aproximavam da garota, mas o homem os parou, deixando transparecer, em sua voz, a sua ira.

???

[???] - Fiquem fora disso! Ela é minha! -

Ele se lançou contra a moça, juntando e erguendo as das mãos em cima de sua cabeça e as descendo com força e velocidade na Khal deitada no chão, no meio dos escombros. Em seguida, sacava suas espada, segurando-a com ambas as mãos e desferindo um corte vertical, de cima para baixo, buscando cortá-lo em dois.

Como lidará a situação a nossa caçadora, estando ela desarmada?

SAGELION

Ao ser imitado pela enésima vez, Ganauche já estava perdendo a paciência com aquele loiro mascarado. No entanto, antes que pudesse agir ou se comportar de forma desrespeitada, acabava descobrindo a conexão que existia entre ele e o Pride. Além disso, uma nova figura fazia sua aparição na cena, levando a ordem do sargento.

Mesmo querendo conversar com o mestre de Isshin, ele tinha de seguir em frente, já que seus companheiros estavam sobre ataque. E, sendo assim, saiu de rompante, correndo pelos corredores, em direção à entrada, nesse caso, a saída da base, equipando-se com sua arma predileta durante o trajeto. Lá não encontrou o sargento Kane mas já sabia que este deveria se encontrar no local do ataque. Deste modo, em poucos minutos, se dirigiu para o Porto, já que era relativamente próximo da base.

Uma vez no porto, além de encontrar na entrada muitas pessoas reunidas, entre mercantes e estivadores, que logo abriram caminho para o Sargento-Ajudante que, no próprio caís, acabou se deparando com uma cena quase que inacreditável: seus companheiros de esquadrão, alguns deles que até pareciam quase que invencíveis, estavam desacordados no chão, derrotados.

Matt Burke, Jahzmine Rai, Emma Sunflower e Yamato, nessa mesma ordem em que podiam serem encontrados (ver a parte do Vizux para mais informações) foram vencidos durante a sua patrulha, por um grupo ou uma figura ainda desconhecida. Seriam as Quimeras?

Além deles, o Sargento Kane e mais dois marinheiros, que haviam terminado de verificar as condições dos quatro Anti-Quimeras, além de também um mink bode de óculos escuros que nunca tinha visto ele antes e que fumava, estavam na cena e pareciam serem os únicos lá. Naquele momento, Jahzmine Rai abria os seus olhos. Ela parecia tentar fazer algum esforço para se arrastar até a borda, a água, mas não tinha forças para tal, além do fato que a dor não lhe permitia. Ou ao menos era o que a sua feição facial demostrava! Ela olhou ao seu redor e viu que Ganauche estava mais próximo dela. Mesmo com a voz presa e débil, tentou chamar o companheiro de esquadrão e lhe fazer um pedido, parecendo mesmo precisar de ajuda, em seu tom, apesar de sua face permanecer inexpressiva.

Jahzmine

[Jahzmine] - Gabelog-san... Por favor... Me jogue... na água! -

Outro que também acordava era o Yamato. O mink panda, com um pulo, se recolocava de pé e passava suas patas pela camisa e seu pelo, ajeitando-os e fazendo com que as marcas que tinha neles desaparecessem. Parecia estar com dores ainda, mas não estava tão grave como os outros. Até mesmo tirou fora uma das suas placas, com escrito.

Yamato

[Yamato] - Não se preocupem! Estou bem! -

Ao notar isso, o Sargento Kane se aproximou do Yamato. Após disso, virou para atrás e de forma mais séria que o habitual deu sua ordem.

Kane

[Kane] - Soldados, Sargento-Ajudante Gaebolg e você, Bode! peguem os feridos e levem-nos até a infirmaria da base! Alba Sapphire saberá o que fazer com eles. Tomem cuidado para não agravar a situação deles! -

Kane

[Kane] - Eu vou interrogar o soldado Yamato e segurar e verificar o perímetro até a chegada de outros marinheiros. Soldados, após de entregar os nossos companheiros para a médica, estarão dispensados e poderão voltar ás vossas posições anteriores! Sargento-Ajudante e Bode, aguardem na infirmaria para novas ordens! -

As ordens foram dadas! Quem será que atacou os quatro integrantes do Esquadrão 105? Que nova ameaça se apresentava aos nossos heróis? E será que Ganauche cumprirá a vontade de Jahzmine, mesmo com as condições em que a mulher se encontrava?



This post has been edited by Redenblack D. Ryan: Oct 31 2017, 07:02 AM
mp
^
Phantom
 Posted: Nov 10 2017, 06:51 AM
citar


Phantom




N/A



107 posts

Ficha

Phantom is Offline

Aventureiro




First Day Of a Hunter

Khal acabou sendo pega de surpresa. Isso ela tinha de admitir! Atingiu a cabeça do careca com a caneca, mas não contava que esse boqueasse seu soco e, ainda, a arremessasse contra uma das mesas. Suas costas doíam devido ao baque, mas não tinha tempo para ase queixar da dor, pois se via inicialmente cercada por mais brutamontes e, em seguida, tinha aquele skin head tentando finalizá-la, esmagando-a com seus grandes punhos.

Infelizmente, por estar usando um quimono, a caçadora não tinha a possibilidade de se esquivar de uma forma mais elaborada e efetiva, se limitando apenas a rolar para o lado. Mesmo se conseguisse desviar do primeiro, ainda tinha de lidar com o segundo golpe.

Khaleesi tentou, então, com ambas as mãos, bloquear os pulsos do homem que tentava cortá-la em dois. Tentava colocar toda a sua força em seus braços para resistir e evitar que a lâmina descesse sobre ela. Mas a garota não era burra e sabia que havia uma diferença entre as forças de ambos e, se continuasse assim, apenas acabaria perdendo a disputa de forças.

Então, ela levantou as suas pernas e as enrolou em volta de um dos braços do homem em uma chave de braços, enquanto ainda segurava seus pulsos para não deixar a lâmina descer mais e tentou virar todo o seu corpo para o lado do braço que envolva com suas pernas co a intenção de deslocá-lo do ombro. A intenção não era apenas debilitar sua força, mas também fazer com que o inimigo, através da dor, soltasse sua katana para que a moça pudesse desarmá-lo e se apropriar dela. Se fosse sucedida naquela tentativa, soltando o braço do homem, pegando a katana e se recolocando de pé, o empalaria no flanco esquerdo. Não queria matá-lo, mas sim infligir-lhe dor. Queria que ele sofresse!


- Nunca mais jogue uma mulher assim! Entendeu, seu pedaço de lixo! -



TAG: --- | WORDS: --- | NOTE(S): --- | ?


Spoiler
PECULIARIDADES:
• Aceleração (1PE): Você é mais ágil que o normal e pode realizar ações e correr mais rápido. Esta Vantagem permite realizar uma tarefa que normalmente tomaria sua movimentação no turno, como recarregar uma arma ou desativar uma bomba, porém ela não permite atacar mais do que o estipulado pelo mestre.
Benefício: Interpretativo; Concede um bônus +4 em Agilidade.

• Esquiva Sobrenatural (1PE): O instinto de sobrevivência do personagem é maior que sua própria velocidade de raciocínio e, às vezes, diante do perigo seu corpo responde antes de você pensar em reagir.
Benefício: Quando sofre um ataque surpresa a penalidade é reduzida para 1/4 na rolagem de esquiva, e tem 25% de chance de ignorar completamente o redutor.

• Pele de aço (1PE): seja por uma característica racial ou por uma mutação, o fato é que seu corpo é mais resistente que o normal, aguentando mais golpes que outras pessoas.
Benefício: Concede um bônus +2 em Resistência.

• Sincronismo Natural (1PE): O personagem uma habilidade natural para se adaptar aos diferentes estilos de combate de seus adversários, sendo capaz de aumentar sua eficiência conforme estende suas lutas.
Benefício: A partir do terceiro turno de combate contra um inimigo em particular, o personagem recebe um bônus +1 nas jogadas de acerto, dano e defesa, e esse bônus aumenta em +1 a cada novo turno, até um máximo de +3. Esse benefício só pode ser usado contra um oponente por vez, e é perdido ao final de cada combate.


APRIMORAMENTOS:
• Acrobata (1PE): Com grande capacidade de movimento, consegue entrar com facilidade em locais de difícil acesso, executar difíceis manobras e realizar acrobacias diversas.
Benefício: Interpretativo; Concede um bônus +1 nas jogadas de defesa.

• Furtividade (1PE): Capacidade de caminhar sem ser percebido, seja sob a luz ou nas sombras (que obviamente é um trabalho mais fácil), podendo se aproximar de alvos com mais facilidade. Combinável com "Invisibilidade".
Benefício: Interpretativo; Concede um bônus +2 em testes de Furtividade.

• Mulher das Montanhas (1PE): O personagem é habituado a colinas e montanhas, sofre menos penalidades ao lidar com declives e possui habilidade em escalar paredes e montes, com ou sem ajuda de equipamentos.
Benefício: Interpretativo; Concede um bônus +1 em acerto e defesa quando está nas montanhas

• Investigador (1PE): O personagem sabe usar a lógica e coletar pistas para traçar perfis e adquirir informações sobre pessoas e missões. Pessoas normais podem investigar, mas este aprimoramento garante que seu personagem seja bem acima da média em seu sucesso.
Benefício: Interpretativo; Permite que o personagem possa obter informações através dos mais variados recursos, como lábia, sedução, suborno ou tortura.

• Le Parkour (2PE): É uma atividade onde seus adeptos percorrem um caminho cheio de obstáculos e tem por finalidade chegar ao final do percurso em menos tempo. É composta por escaladas, saltos e outras manobras arriscadas na intenção de superar obstáculos rapidamente. Soma com Acrobata.
Benefício: Concede um bônus +1 nas jogadas de defesa e agilidade, e ignora penalidades por terrenos difíceis.

• Rastreio (1PE): O personagem sabe rastrear pegadas, traços de fuga e juntar fatos do cenário para verificar rotas e saber com exatidão onde alvos se esconderam e fugiram. Serve tanto para animais quanto para criaturas inteligentes.
Benefício: Interpretativo. Uma vez que tenha obtido pistas suficiente, dificilmente perderá seu alvo, mesmo que este tente se esconder.

• Sobrevivência (1PE): Você tem conhecimento e treinamento básico de sobrevivência em emergências. Sabe criar fogo, pescar, criar um refúgio. Isto independente da região que aconteça o acidente. Suas medidas serão rudimentares, mas serão suficiente.
Benefício: Interpretativo. Pode ser usado em conjunto com aprimoramentos regionais (como "Homem das Montanhas" ou "Homem das Selvas") para melhores resultados.

• Treinamento Doloroso (2PE): Depois de sessões incansáveis de treinamento, seu personagem simplesmente sabe lidar melhor com as dores que sofre. Mesmo se precisar fazer várias lutas sequenciais, ele se mantém com um limite aceitável de dor e controle do corpo.
Benefício: Interpretativo; Penalidades por dano nos atributos secundários é diminuído em 5%.

• Veterinário (1PE para Adestradores): O médico dos animais. Consegue identificar e curar doenças de qualquer animal, além de ser capaz de cuidar de ferimentos e fraturas.
Benefício: Interpretativo; Pode curar até (nível)% da vida de animais tratados. Médicos conseguem usar seus bônus de cura normalmente (sem o aprimoramento médicos conseguem curar animais com apenas metade da eficiência).


ESTILOS PRIMÁRIOS:
• Armas-de-arremesso (1 PE): O personagem é capaz de usar qualquer tipo de arma de arremesso, como facas arremessáveis, machadinhas, etc.

• Armas-de-Corte: lâminas longas (1 PE): O personagem é capaz de usar qualquer tipo de arma com lâmina maiores como espadas, sabres ou katanas.

• Lutador de Rua (1 PE): O personagem sabe lutar com socos e pontapés, sem precisar seguir um estilo de marte marcial predefinido. Pode combinar este talento com uma série de outros para ampliar suas capacidades (ex: acrobacias, haki, akuma no mi, estilos avançados). Caso equipe alguma arma, ainda pode combinar com chutes, cotovelas, agarrões etc.

ESTILOS AVANÇADOS:
• Pirate Hunter (2 PE): Estilo de combate da família mercenária Jäger, que consiste em técnicas, de luta, caça e captura de piratas. Envolve o uso de várias armas desde espadas e lâminas a correntes, boomerangues enormes, foices e até bombas de fumaça e venenos. Não só se avalia da força do seu usuário, mas também de sua destreza, sagacidade e furtividade.
Requisitos: Armas-de-arremesso; Armas-de-Corte: lâminas longas; Lutador de Rua; Ser um Jäger.
Talentos: Especialização em Ataque, Foco em Defesa (Bloqueio)
Bônus: +2 Dano, +2 Bloqueio, +1 Resistência

mp
^
SageLion
 Posted: Nov 15 2017, 07:13 PM
citar


SageLion




Sargento-Ajudante



119 posts

Ficha

SageLion is Offline

Marinheiro




Justiça Absoluta

user posted image

O cenário era de assustar, civis ainda se afastando do lugar em correria, objetos quebrados por todo o caminho e o que chamava mais a atenção eram os corpos machucados dos membros do esquadrão. Pessoas de altíssimo nível de combate, desmaiadas com machucados sérios. Olhava ao redor rapidamente para ver se algum criminoso havia sido capturado, mas além dos marinheiros que vieram junto de Kane, apenas um homem de barba espessa e branca, utilizando o que parecia um adorno na cabeça imitando chifres, mas o mesmo pela forma de agir parecia estar com Kane. Foi então que Jahzmine que estava mais próxima de mim falou algo, me ajoelhei ao seu lado.

user posted image

- O...oque ?! Você quer dizer que quer água? Mas não pode, beber água pode acelerar perda de sangue...

Podia tentar interpretar a frase de Jahzmine dessa forma, mas o seu olhar era claro. Não entendia o porque desse pedido inusitado,mas ela era firme. Enquanto o Sargento Kane dava suas ordens eu mantia meu contato nos olhos fracos da guerreira.

user posted image

- É melhor ter um bom motivo, Sapphire vai me matar por isso...

Desequipava rapidamente a manopla e corria com Jahzmine nos braços até onde o mar batia no porto. Suavemente a colocava na água, quando seu corpo entrou continuei a segurando por um braço de forma a não afundar a cabeça. 1 minuto...seu tempo limite para fazer seja lá o que precisava.

~.



This post has been edited by SageLion: Nov 15 2017, 07:16 PM
mpWebsite
^
Vizux
 Posted: Nov 22 2017, 02:38 PM
citar


Vizux




N/A



20 posts

Ficha

Vizux is Offline

Aventureiro




Ainda processando todos os acontecimentos Basil carregando suas armas, e pronto para qualquer tipo de combate, seguiu rente ao pelotão da marinha que se deslocava ao local do chamado. Quando avisaram que estavam próximos ao local o mesmo se concentrou e buscou a melhor localização para se posicionar no entanto poucos passos a cena presente era de um total caos, onde via sinais e marcas de conflitos já existentes... Analisou os arredores observando e tentando achar qualquer atividade suspeita, mas nada percebeu assim o mesmo guardou suas armas de fogo e puxou um cigarro do seu casaco e respirou fundo, soltando um pouco de fumaça das suas narinas e com um olhar fixo de preocupação com a ocasião.

Basil foi calmamente olhar mais de perto e percebeu que havia um Mink Panda desacordado, ele o tentou reanimar com uma pulsação leve de sua racial o choque característicos da sua raça, que na realidade Basil não sabia o nome nem como a aprendeu é algo natural e isso justificado pela sua história que ele foi isolado muito pequeno do seu bando, mas a sua carga genética o a fez despertar ao longo dos anos e inconscientemente ele tentou tal artifício para reanimar o panda da forma mais cuidadosa possível, mas sem exito. Ao olhar ao redor viu um marinheiro loiro de porte atlético chegar com a respiração ofegante e com uma grande manopla no cenário, mas o mesmo olhou os demais e assim prosseguiu para ver os marinheiros e civis ali prostados... O máximo foi um trocar de olhares. Perplexo pela situação de como tantos marinheiros naquele estado, Basil pressentia o ar mais pesado entre os recem-chegados ali de pé, principalmente o que liderava que portava a manopla.

Basil ainda não sabia quem era quem e a cadeia de hierarquia, mas percebeu que todos obedeciam as ordem do tal de "Kane" o qual ouviu dos outros marinheiros na hora o nome a quem foi dado a chance de vir a tal local para ajudar a marinha e assim ter uma chance de ingressar nessa CiA, mas algo lhe chamou atenção o marinheiro Loiro correndo com uma mulher nos seus braços a levando para o mar, no mesmo instante Basil pensou que esse poderia ser um ato suspeito e se levantou donde o Panda estava e com rapidez se aproximou do Loiro e falou:

- O que você pretende fazer colocando uma ferida na água salgada ?? Você não tem juízo que isso pode a feri-lá !?

Ao mesmo tempo que falava tentou puxar de volta ao cais a mulher e esperava por uma resposta sensata do marinheiro!
mp
^
1 User(s) are reading this topic (1 Guests and 0 Anonymous Users)
0 Members:

Pages: (4) 1 2 3 ... Last »
responder
novo tópico
fazer enquete