versão 8.1

Pages: (2) 1 2  ( Go to first unread post )
fechado
novo tópico
fazer enquete

 Game Design - Dungeon World
T. Wall
 Posted: Jan 9 2018, 01:16 PM
citar


T. Wall




N/A



244 posts

Ficha

T. Wall is Offline

Narrador




Saudações,

Eu ia fazer uma grande introdução sobre quem sou, mas acho que isso é dispensável. Eu sou Wall, um antigo membro da ROP, e já fui quase tudo. Acima de tudo, sou alguém que gosta demais de One Piece e seu universo, mas também venho de uma escola de RPG mais tradicional, diferentemente da maioria que veio da matriz de jogos on-line de animes e mmorpgs.

Eu me afastei há alguns anos do fórum por motivos diversos que já nem lembro mais. Embarquei em alguns projetos próprios que deram muito certo e com o apoio de algumas pessoas que já fizeram (e ainda fazem) parte do fórum.

Mais precisamente no ano passado eu voltei as origens, jogando RPG de mesa. Encontrei um grupo aqui na minha cidade (que é bem difícil, já que moro no nordeste) e fui apresentado a um sistema que dá nome ao tópico que se chama "Dungeon World".

O Dungeon World (DW) é uma modificação (hack) de uma engine de jogos de RPG chamado Apocalypse World que baseado em movimentos básicos e gatilhos. Basicamente para jogar qualquer jogo desta engine você precisa de dois dados de seis lados (2d6) e a soma dos resultados dá três opções:

10+: Sucesso total
7-9: Sucesso parcial com consequências
6-: Falha

Basicamente o sistema todo gira em torno disso e dos gatilhos dos movimentos. Enfim, eu quis trazer essa influencia e referência de game design para que, de repente, alguém no fórum que não conhece possa conhecer e, quem sabe, começar a abrir a cabeça para outras alternativas de game design.

Eu já joguei algumas campanhas de DW e alguns outros "hacks" como, por exemplo, o Masmorras nas Estrelas (hack de Star Wars 100% brasileiro) e o sistema é bastante equilibrado, quando bem feito.

Sempre fiz uma crítica, por algumas pessoas encaradas até como muito agressiva, ao sistema-matriz da ROP/BNW com base em uma premissa muito básica. Não faz sentido um sistema numérico se você não utiliza. Eu tive a oportunidade nesses poucos dias de retorno de ler alguns tópicos e algumas postagens de pessoas que dizem que usam dados, mas na prática, não os vi.

Enfim, trago isso como forma de reflexão e expansão de conceitos e fico à disposição para o debate.

Link para PDF do DW em português: http://tavernadoelfo.com.br/dungeon-world/

--------------------
mp
^
Yusuke Urameshi
 Posted: Jan 9 2018, 03:03 PM
citar


Yusuke Urameshi




N/A



2382 posts

Ficha

Yusuke Urameshi is Offline

Administrador




Achei bem interessante esses jogos que mencionou, pois também sou jogador de RPG de mesa, como muitos de meus amigos que optaram por jogar aqui tambem.

Jogo mais o Tormenta RPG, que alem de ser brasileiro é feito aqui no Rio Grande do Sul. E sem duvida o melhor RPG de mesa que já joguei. Ele usa o sistema d20, então sou suspeito ao dizer que curto bastante o fórum ter um sistema bem parecido nesse aspecto.

Mas não é por isso que não joguei outros sistemas, e que envolviam os 2d6 como alguns que citou. Só não me conquistaram para continuar a joga-los por tanto tempo quanto o Tormenta que jogo ate hoje.

Essa é minha opinião sobre o mesmo assunto que puxou que é RPG de mesa. Vamos ver agora outros pontos que apontou:

QUOTE
Basicamente o sistema todo gira em torno disso e dos gatilhos dos movimentos. Enfim, eu quis trazer essa influencia e referência de game design para que, de repente, alguém no fórum que não conhece possa conhecer e, quem sabe, começar a abrir a cabeça para outras alternativas de game design.


-A influencia que mostrou seria só os d6? Ou teria algo por trás disso?

QUOTE
Sempre fiz uma crítica, por algumas pessoas encaradas até como muito agressiva, ao sistema-matriz da ROP/BNW com base em uma premissa muito básica. Não faz sentido um sistema numérico se você não utiliza. Eu tive a oportunidade nesses poucos dias de retorno de ler alguns tópicos e algumas postagens de pessoas que dizem que usam dados, mas na prática, não os vi.


-É verdade que alguns utilizam mais os métodos de rolagens de dados e outros não utilizam nada disso. Isso se deve ao fato de darmos tanto aos jogadores quanto aos narradores opções de como deverão agir em seu divertimento aqui no fórum, isso é, deixar um sistema livre para os dois gostos. Pois é disso que se trata, se divertir, pessoas diferentes gostam de jogar de formas diferentes.

Entretanto sempre havendo esses testes em situação que ninguém pode fugir disso, como exemplo disso foi o torneio PVP, que até quem estaria acostumado com uma interpretação livre de dados, teve que se submeter as rolagens que era necessário para haver o combate.


-Eu não sei se sua intenção seria algo tipo substituir o d20 por tipo 3d6, e tornando de forma obrigatória seu uso. Em termos de simplicidade, seria mais fácil optar pelo d20 ser obrigatório, do que adaptar o 3d6 por exemplo. Claro que isso é uma suposição de escolha mais viável, e não um caminho que tomaríamos do nada.

--------------------
Spoiler
user posted image

Minha Ficha
mp
^
T. Wall
 Posted: Jan 9 2018, 03:29 PM
citar


T. Wall




N/A



244 posts

Ficha

T. Wall is Offline

Narrador




Conheço bastante o Tormenta D20 (embora o 3d&T também seja bem divertido e foi por onde comecei), na verdade conheço toda a base do D&D, mas acho que até para mesa ele anda muito saturado.

A ideia de mensuração e cálculos em demasia tem caído em desuso, exceto por aqueles jogadores muito apegados (D&D 3.5 em diante), tanto é que tem surgido experiências mais simplistas e de volta às origens como o Old Dragon.

QUOTE
-A influencia que mostrou seria só os d6? Ou teria algo por trás disso?


Não.

Existe muito por trás, afinal, um sistema enquanto game design é tudo que cerca o core do sistema e não somente as rolagens ou a parte mecânica do mesmo. No DW, por exemplo, não é apenas o uso de 2d6 para a rolagens (existem outros dados, como posso explicar com mais calma, mas não o fiz para fazer com que as pessoas curiosas baixassem o PDF), mas uma série de conceitos que vão além.

Por exemplo, as "classes" são arquétipos predefinidos com movimentos especiais que poderiam ser facilmente encaixadas como as funções. Eles são kits prontos que delimitam as progressões, mas permitem aos jogadores e a comunidade criar novos kits com situações da ficção (as chamadas classes de compêndio, o que expande as possibilidades). Por exemplo, o dano não é progressivo ou aumentado com base na arma que se porta, mas na classe/arquétipo escolhido.

Um guerreiro sempre vai ter um dano d10 independente da arma que use, porque ele é um guerreiro treinado para causar dano, é musculoso, etc.. Porém, ficcionalmente, existe uma coisa chamada "rótulos", então, por exemplo, o guerreiro pode portar um martelo com o rótulo grotesco onde todo golpe/dano que ele causar, ficcionalmente, cria um grande impacto (esmaga membros, arremessa, etc..).

O game design do DW trás conceitos modernos e uma nova roupagem. A princípio é bem desafiador, mas acredito que ele se encaixa muito a ideia de jogo de RPG em fóruns, porque ele dá ao jogador muito protagonismo e ao mestre muita capacidade de improviso com algo coerente e que pode ser usado.

QUOTE
-É verdade que alguns utilizam mais os métodos de rolagens de dados e outros não utilizam nada disso. Isso se deve ao fato de darmos tanto aos jogadores quanto aos narradores opções de como deverão agir em seu divertimento aqui no fórum, isso é, deixar um sistema livre para os dois gostos. Pois é disso que se trata, se divertir, pessoas diferentes gostam de jogar de formas diferentes.

Entretanto sempre havendo esses testes em situação que ninguém pode fugir disso, como exemplo disso foi o torneio PVP, que até quem estaria acostumado com uma interpretação livre de dados, teve que se submeter as rolagens que era necessário para haver o combate.


Concordo com você que a função central de qualquer jogo de RPG é a diversão. Durante muito tempo, com essa premissa, mandei um "foda-se" para o sistema e joguei de boa. Converso com alguns jogadores daqui e muitos continuam jogando com essa mesma ideia. Mas retomo a pergunta: Qual a lógica de um sistema que ninguém utiliza? Ou que não se encaixa? Ou que não fecha? Ou que tem "combos quebrados"?

Durante muito tempo fui a favor da abolição de sistemas, de deixar o jogo totalmente interpretativo, porque é muito mais fácil de gerir. Porém, somente na interpretação você abre margem, num fórum aberto como a ROP/BNW a distorções de força muito bizarras e ao dissabor de quem está narrando/mediando um combate, por exemplo. Os dados servem justamente para fazer esse papel de forma imparcial/imprevisível. Se você quer ser imparcial e não os utiliza, volta ao mesmo erro de fórum totalmente interpretativo, as tendências humanas.

QUOTE
-Eu não sei se sua intenção seria algo tipo substituir o d20 por tipo 3d6, e tornando de forma obrigatória seu uso. Em termos de simplicidade, seria mais fácil optar pelo d20 ser obrigatório, do que adaptar o 3d6 por exemplo. Claro que isso é uma suposição de escolha mais viável, e não um caminho que tomaríamos do nada.


Em verdade, eu não tenho uma solução pronta. Nem quero mexer em "x" ou "y" do sistema. Só queria propor uma reflexão da comunidade a respeito do quão agradável é o sistema no ponto que está e dar contato com o que tenho de experiência exitosa mais recente dentro de game design.

Não espero que nada de concreto saia daqui, mas estou apontando o que vejo como uma "dor" como jogador (eu pulei todas as tabelas e preenchi automaticamente os números com a máxima pressa possível, porque sei que dificilmente será usado) para que se caminhe por algo que seja viável e usado.
mp
^
Waka
 Posted: Jan 9 2018, 04:42 PM
citar


Waka




Mercenário



1752 posts

Ficha

Waka is Offline

Programador




verdade seja dita, no nosso RPG os dados são praticamente inutilizados. Se você acompanhar as aventuras verá que o que reina, sempre reinou e provavelmente sempre reinará é 100% de interpretatividade, 0% de cálculos, ou algo muito perto disso.

Nós sempre deixamos muito claro que os sistemas numéricos são obrigatoriamente utilizados apenas em questões que devem ser 100% imparciais, sem margem para decisões arbitrárias, que no caso são exclusivamente os PVPs.

Então creio que a mentalidade dos jogadores já é bem aberta nesse sentido. Com isso dito, achei bem interessante como a rolagem de dados funciona nesse sistema que você mostrou.
mpWebsite
^
Aesthesys
 Posted: Jan 9 2018, 05:00 PM
citar


Aesthesys




N/A



30 posts

Ficha

Aesthesys is Offline

Aventureiro




Vim dar uma contribuição de ideia para o assunto levantado, baseada em opiniões e experiências próprias. Achei muito legal o questionamento levantado por você @T. Wall, porque o considero importante num RPG.

E digo também que concordo com o que você disse, ao falar sobre nem todos usarem o sistema como ele deveria ser usado, ou seja, com rolagens. Até te convido a qualquer hora ir conhecer um RPG que desenvolvi inteiramente (inclusive o sistema) chamado Caelum, que era (ou é ainda) até parceiro daqui.

O ideal seria tirar o que existe de bom nos dois mundos. Acredito que rolagem num RPG é fundamental, mas, já que a nossa forma de jogar é escrita e nos permite produzir um jogo com qualidade narrativa muito superior aos de RPG de mesa (tudo bem que a experiência de jogo numa mesa é outra) o ideal seria que os resultados dependessem 75% dos dados e 25% como alguma espécie de bônus, pela narrativa.

Na Caelum era mais ou menos assim. Ela tinha um sistema de rolagem muito básico, e que por si só, acabou se tornando fácil de adaptá-lo ao jogo porque todo o resto se somava como bônus na rolagem. E eu quis proporcionar uma experiência totalmente lúdica aos jogadores, então as rolagens eram feitos num ambiente diferente da aventura. E todas pelo narrador. Ele tinha um tópico que servia como espécie de log para eventuais consultas onde todos os resultados das rolagens ficavam gravados.

Dessa forma o jogador não tinha que se preocupar tanto com rolagens, mas apenas em jogar. Toda a aplicação do sistema, basicamente ficava a cargo do Narrador.

Então era assim... Um sistema com rolagens simples e somatória (ou subtração) de bônus. A boa narrativa era valorizada e somava com os bônus.

@EDIT

Indico ainda mais dois sitemas suuuuuuuuuuuuuuper simples e divertidos. Dá pra desenvolver muita coisa a partir deles.

Sistema ZIP

Sistema Refrão

This post has been edited by Aesthesys: Jan 9 2018, 05:22 PM
mp
^
T. Wall
 Posted: Jan 9 2018, 05:31 PM
citar


T. Wall




N/A



244 posts

Ficha

T. Wall is Offline

Narrador




QUOTE (Waka)
Nós sempre deixamos muito claro que os sistemas numéricos são obrigatoriamente utilizados apenas em questões que devem ser 100% imparciais, sem margem para decisões arbitrárias, que no caso são exclusivamente os PVPs.


Aqui, então, faço um parênteses direcionado à administração: vale à pena tanto esforço para a criação de sistemas para cada situação nova que o jogo se depara? Exemplo: um sistema para músicos, um sistema para adestrador, um sistema para navios, um sistema para barcos, um sistema para batidas do dedo mindinho na quina da porta?

Outra pergunta: quanto o pvp representa em termos de jogabilidade no jogo?

Eu me lembro que longas e acalouradas discussões sobre a necessidade de um sistema numérico para medir combates entre os jogadores. Eu acho que na ROP fui um dos únicos que teve a oportunidade de topar com outros jogadores num embate direto e, adivinhem, foi tudo interpretativo!

Eu ouvi dizer (não li, nem vi) que já houve um ou dois torneios PVPs que não sei se foi on ou em off aqui e também ouvi dizer que encontraram várias brechas sistêmicas. Ou seja, só reforça o argumento já levantado.

No meu entender, insistir no caminho em que se vai é gastar uma preciosa energia tanto da staff quanto dos jogadores num caminho infrutífero.

QUOTE (Aesthesys)
O ideal seria tirar o que existe de bom nos dois mundos. Acredito que rolagem num RPG é fundamental, mas, já que a nossa forma de jogar é escrita e nos permite produzir um jogo com qualidade narrativa muito superior aos de RPG de mesa (tudo bem que a experiência de jogo numa mesa é outra) o ideal seria que os resultados dependessem 75% dos dados e 25% como alguma espécie de bônus, pela narrativa.

Na Caelum era mais ou menos assim. Ela tinha um sistema de rolagem muito básico, e que por si só, acabou se tornando fácil de adaptá-lo ao jogo porque todo o resto se somava como bônus na rolagem. E eu quis proporcionar uma experiência totalmente lúdica aos jogadores, então as rolagens eram feitos num ambiente diferente da aventura. E todas pelo narrador. Ele tinha um tópico que servia como espécie de log para eventuais consultas onde todos os resultados das rolagens ficavam gravados.


Bacana sua experiência.

Eu confesso que já fui muito dessa sua corrente de deixar a narrativa ser preponderante, até porque como um jogador que tenta narrar de forma decente, gostaria de ser recompensado por seguir as diretrizes do personagem que criei e não uma máquina de números que dará certo infalivelmente.

Entretanto, como expliquei na minha postagem anterior, tudo é questão de escolha de game design. Ao jogar RPG de mesa todos jogadores se submetem a imprevisão dos dados. Ninguém é infalível a um sucesso total ou uma falha crítica na maioria dos sistemas existentes. Até mesmo um personagem de nível 10 pode tirar um 1 e se arrebentar todo.

Sabe da maior? Isso é a maior graça do RPG.

É saber que ninguém é infalível, porque isso é o que o RPG proporciona um simulacro da vida, ou melhor, de uma vida ideal num universo qualquer desejado (no nosso caso, One Piece).

Como falei, não trago soluções, mas reflexões.

Sigamos! http://files.b1.jcink.com/html/emoticons/smile.gif
mp
^
Aesthesys
 Posted: Jan 9 2018, 05:47 PM
citar


Aesthesys




N/A



30 posts

Ficha

Aesthesys is Offline

Aventureiro




Realmente. Gastar menos tempo e esforço em sistemas e rolagens mirabolantes e focar na simplicidade e diversão.

Talvez seja por aí.
mp
^
Rawnor
 Posted: Jan 9 2018, 06:06 PM
citar


Rawnor




Tenente-Comandante



1138 posts

Ficha

Rawnor is Offline

Administrador




Bons questionamentos, vamos lá.

QUOTE
Aqui, então, faço um parênteses direcionado à administração: vale à pena tanto esforço para a criação de sistemas para cada situação nova que o jogo se depara? Exemplo: um sistema para músicos, um sistema para adestrador, um sistema para navios, um sistema para barcos, um sistema para batidas do dedo mindinho na quina da porta?


Quanto a sistematização ela pode ser uma faca de dois gumes, muita gente pode achar intimidador chegar no fórum e se deparar de imediato com um sistema maior e cheio de regras. Contudo, muitas pessoas são atraídas justamente pela organização que isso trás, para não ficar sempre na subjetividade quando uma coisa é devida ou não.

Também não me importo, e acredito que falo por toda a staff, em elaborar itens a serem automatizados nessa questões. O que você possa estar questionando sobre ser necessário ou não na verdade poupa muita dor de cabeça no final. Fora isso, tenho a impressão também de dar certo ânimo ao jogador quando ele vê um bônus numérico claro sobre determinada característica.

QUOTE
Outra pergunta: quanto o pvp representa em termos de jogabilidade no jogo?

Eu me lembro que longas e acalouradas discussões sobre a necessidade de um sistema numérico para medir combates entre os jogadores. Eu acho que na ROP fui um dos únicos que teve a oportunidade de topar com outros jogadores num embate direto e, adivinhem, foi tudo interpretativo!

Eu ouvi dizer (não li, nem vi) que já houve um ou dois torneios PVPs que não sei se foi on ou em off aqui e também ouvi dizer que encontraram várias brechas sistêmicas. Ou seja, só reforça o argumento já levantado.

No meu entender, insistir no caminho em que se vai é gastar uma preciosa energia tanto da staff quanto dos jogadores num caminho infrutífero.


Admito pouco utilizado, mas extremamente necessário. Deixe eu te explicar em poucas palavras: Diversidade é tudo. Sim, vão existir aqueles jogadores que não estão nem ai para isso, mas também vão existir os que vão querer isso, então trabalhamos para fazer um fórum para todos.

Sobre brechas encontradas, amigo, todo sistema tem. Você já jogou rpg de mesa certo? Não via errata após errata ser lançada depois de livros saírem? Para não mencionar edições 1, 2, 3, 3.5... por aí vai. O mesmo acontece aqui, o sistema sempre esta em constante atualização e sempre que pensamentos em alguma melhora nós a fazemos.

QUOTE (Aesthesys)
O ideal seria tirar o que existe de bom nos dois mundos. Acredito que rolagem num RPG é fundamental, mas, já que a nossa forma de jogar é escrita e nos permite produzir um jogo com qualidade narrativa muito superior aos de RPG de mesa (tudo bem que a experiência de jogo numa mesa é outra) o ideal seria que os resultados dependessem 75% dos dados e 25% como alguma espécie de bônus, pela narrativa.


Nas aventuras padrões isso acontece imensamente amigo, eu mesmo quando era narrador (e muitos outros o fazem) levam em conta os valores na ficha, bem como, a narração do personagem. Você é bonificado sim por uma narração mais eficiente, e quanto a divisão dos fatores numéricos/narração fica a critério do narrador. (ele pode usar a correlação como você mencionou pendendo para um dos dois lados, ou 50-50, vária de narrador para narrador, ele tem essa liberdade)

Isso só muda de figura no caso do PVP, que tem que ser mais imparcial e ainda assim uma boa narração pode te ajudar usando elementos do cenário, se posicionando corretamente, etc.


No mais o Waka já evidenciou bastante o pensamento aqui do Fórum e eu também gostaria de agradecer as sugestões, são sempre bem vindas.

--------------------
mp
^
T. Wall
 Posted: Jan 9 2018, 07:10 PM
citar


T. Wall




N/A



244 posts

Ficha

T. Wall is Offline

Narrador




Primeiro, acho que cumpri o papel do tópico tendo dois administradores postando e refletindo, que bom.

QUOTE (Rawnor)
Admito pouco utilizado, mas extremamente necessário. Deixe eu te explicar em poucas palavras: Diversidade é tudo. Sim, vão existir aqueles jogadores que não estão nem ai para isso, mas também vão existir os que vão querer isso, então trabalhamos para fazer um fórum para todos.

Sobre brechas encontradas, amigo, todo sistema tem. Você já jogou rpg de mesa certo? Não via errata após errata ser lançada depois de livros saírem? Para não mencionar edições 1, 2, 3, 3.5... por aí vai. O mesmo acontece aqui, o sistema sempre esta em constante atualização e sempre que pensamentos em alguma melhora nós a fazemos.


Concordo que o fórum deve ser feito para todos.

Não estou negando a necessidade de um sistema numérico, se olhar o meu primeiro post o que proponho é uma reanálise do design de jogo na forma como ele está concebido com base em outras formas, mais modernas do que o que se tinha há 5~7 anos atrás quando o core de atributos primários e secundários foram criados.

Iniciativas, turnos, golpes por segundo são coisas importadas de outros jogos (mmorpg, por exemplo, na época a ROP bebia muito da fonte do Ragnarok Online) e que, na prática de postagem por fóruns não fazem sentido. Na ficção muito menos.

Não estou dizendo, também, que o Dungeon World é o caminho. O @Aesthesys trouxe alguns paradigmas que considero interessantes. Existem outros sistemas genéricos que não tive contato, mas ouvi críticas muito boas como FATE, não sei se conhecem.

A crítica central é uma só e acho que ela não foi enfrentada.

Temos um sistema.

O sistema não é usado.

Por que temos um sistema?

Daqui, podemos ter dois caminhos. O sistema atual não é usado e fica tudo como isso mesmo (status quo atual). Encaramos os motivos reais do porque o sistema não está sendo usado e remodelamos o design de modo que ele faça sentido e possa ser usado em sua integralidade.

A provocação que faço é insistente que chega a ser chata, eu sei. Já fui taxado de chato muitas vezes. Mas acredito que se chegamos a um consenso sobre alguns pontos, podemos avançar em propor soluções.

mp
^
Kishan Rajaram
 Posted: Jan 9 2018, 07:54 PM
citar


Kishan Rajaram




Revolucionário



480 posts

Ficha

Kishan Rajaram is Offline

Revolucionário




QUOTE (Rawnor @ Jan 9 2018, 04:06 PM)

Isso só muda de figura no caso do PVP, que tem que ser mais imparcial e ainda assim uma boa narração pode te ajudar usando elementos do cenário, se posicionando corretamente, etc.


Eu não sei como foi o evento off de pvp que teve, mas basicamente creio que o pvp só se usa numero e as vantagens, elementos de boa narração não faz sentido quando eu faço um puta post completo e tiro 1 nos dados enquanto meu oponente faz um post de duas ou três linhas e tira 10 nos dados.

Eu, pessoalmente, não uso dados. Quando fui falar com meu GM para ele aceitar meu tópico eu fui claro em dizer que não quero dados, e sim que use os atributos como comparação. E estamos bem assim.

No mais, se é um problema a duvida entre um sistema com dados ou um sistema mais interpretativo, porque não pergunta para o povo? Abre um tópico e pergunte para os jogadores o que eles preferem. Citando os pontos favoráveis e contra de cada um e tals. Porque eu concordo com a parte de "perder tempo focando em algo que é pouco utilizado" e tals.
mp
^
Waka
 Posted: Jan 9 2018, 08:46 PM
citar


Waka




Mercenário



1752 posts

Ficha

Waka is Offline

Programador




QUOTE
Admito pouco utilizado, mas extremamente necessário. Deixe eu te explicar em poucas palavras: Diversidade é tudo. Sim, vão existir aqueles jogadores que não estão nem ai para isso, mas também vão existir os que vão querer isso, então trabalhamos para fazer um fórum para todos.


Isso que o Rawnor comentou resume tudo.

QUOTE
No mais, se é um problema a duvida entre um sistema com dados ou um sistema mais interpretativo, porque não pergunta para o povo? Abre um tópico e pergunte para os jogadores o que eles preferem. Citando os pontos favoráveis e contra de cada um e tals. Porque eu concordo com a parte de "perder tempo focando em algo que é pouco utilizado" e tals.


Isso ja foi feito. Sabe qual foi o resultado? O sistema atual. O wall é testemunha pois era da staff na época.

QUOTE
Temos um sistema.

O sistema não é usado.

Por que temos um sistema?


Acho que aqui há um certo equívoco na interpretação.

O sistema existe, e É usado. O que eu citei que raramente é utilizado é a rolagem de dados. Apenas isso não deve representar nem 10% do sistema atual, que não só é utilizado nas aventuras, mas inclusive diariamente.

A questão é que, se você tem 5 ou 6 players jogando em um forum, realmente os sistemas não são tão necessários, há um acordo de cavalheiros em como tratar certos aspectos. Infelizmente aqui na BNW nós temos cerca de 30 a 40 players, com picos de até mesmo 60 ou 70.

Basta fazer uma analogia com sistemas complexos de civilização. Quanto mais pessoas existem e interagem em um ambiente, mais regras é necessário existir. Você acha que leis escritas eram necessárias nas nossas sociedades de caçador-coletor em comunidades de 15~20 pessoas? Claro que não. Mas a civilização atual simplesmente se tornaria um caos sem leis escritas e definidas. É assim que as coisas são, fazendo uma analogia com algo bem distante; mas isso pode ser observado em qualquer macro-sistema.

Já que você trouxe a reflexão da não-necessidade de um sistema amplo, eu te peço para fazer uma reflexão também: em um fórum com mais de 50 pessoas, você acha que deixar os aspectos do sistema indefinidos traria mais vantagens que desvantagens?

Acredite, nós não falamos isso da boca pra fora, mas sim da experiência que 10 anos de fórum (somando a ROP) nos trouxeram.

Se você discorda, respeito totalmente o sua opinião e o direito de defendê-la, mas me mostre um case de um fórum com o mesmo tamanho e tempo da BNW, com os parâmetros sistemáticos que você apontou e que deu certo.

Eu não consigo pensar em nenhum.

This post has been edited by Waka: Jan 9 2018, 08:48 PM
mpWebsite
^
Kishan Rajaram
 Posted: Jan 9 2018, 09:13 PM
citar


Kishan Rajaram




Revolucionário



480 posts

Ficha

Kishan Rajaram is Offline

Revolucionário




QUOTE (Waka @ Jan 9 2018, 06:46 PM)

Se você discorda, respeito totalmente o sua opinião e o direito de defendê-la, mas me mostre um case de um fórum com o mesmo tamanho e tempo da BNW, com os parâmetros sistemáticos que você apontou e que deu certo.

Eu não consigo pensar em nenhum.


Não querendo provocar, mas se o parâmetro sistemático daqui fosse tão bom, ele não seria ignorado por muitos para jogar usando apenas algumas regras, não é?

PVP não é muito utilizado por aqui. Nesses anos de BNW, quantos jogadores tiveram sua aventura invadida por "homens da lei" e teve um PVP? Quantos tópicos por aqui usam o sistema de PVP na integra?

Longe de mim dar razão para o Thiago, mas ainda acho que saber o que o povo pensa seria interessante para dar um rumo integre melhor as coisas. Melhor do que ficar "tira regra, coloca regra" conforme mude "o governo" do fórum ou acabe com regras até para o personagem usar o banheiro.
mp
^
T. Wall
 Posted: Jan 9 2018, 10:50 PM
citar


T. Wall




N/A



244 posts

Ficha

T. Wall is Offline

Narrador




QUOTE (Waka)
Se você discorda, respeito totalmente o sua opinião e o direito de defendê-la, mas me mostre um case de um fórum com o mesmo tamanho e tempo da BNW, com os parâmetros sistemáticos que você apontou e que deu certo.

Eu não consigo pensar em nenhum.


Pô, Waka, então você atribui o sucesso e a longevidade do fórum ao sistema? A estabilidade do mesmo?

Respeito sua opinião e o ponto que você tenta apontar, mas o sucesso de um sistema não se mede só por isso. Já vi e participei de vários fóruns de interpretação. A título de exemplo, a Zonkos de Harry Potter. O Etherium e o Miridia de Pokemon. O Turning Japanese baseado no anime Durarara e outros tantos.

Eu não estou defendendo, novamente, a implosão do sistema. Ou que devemos abolí-lo por completo. O que fiz foi trazer novas influencias capazes de repensar o design de jogo de forma que torne o sistema coerente, justo e, acima de tudo, jogável.

Esse para mim é o ponto.

This post has been edited by T. Wall: Jan 10 2018, 11:53 AM
mp
^
Waka
 Posted: Jan 10 2018, 02:07 AM
citar


Waka




Mercenário



1752 posts

Ficha

Waka is Offline

Programador




justo, a reflexão é válida e bem vinda.
mpWebsite
^
Tiger
 Posted: Jan 10 2018, 03:27 AM
citar


Tiger




Cipher Pol nº 3



597 posts

Ficha

Tiger is Offline

Agente do Governo




Bom, sempre é difícil opinar nessas questões.

Eu jogo em fórum de RPF full interpretativo a mais de 15 anos. Sou familiarizado com o pensamento de liberdade interpretativa e a criatividade do players nas construções dos personagens.

Quando entramos num fórum, buscamos criar a história dos nossos personagens, buscando liberdade de escolha.

O Bnw propicia isso em seu sistema. Eu acredito que ele seja usado, para quem busca o sistema. Para quem não busca, usa a interpretação. Agrada a todos. Mas não deixa de usar o sistema.

Pois é um fórum organizado e aberto.

É o que eu penso...

--------------------
<
mp
^
0 User(s) are reading this topic (0 Guests and 0 Anonymous Users)
0 Members:

Pages: (2) 1 2 
fechado
novo tópico
fazer enquete